Vídeo tenso mostra policial sendo baleado durante abordagem em Salete, no Vale

Atualizado

O vídeo da farda de um policial militar flagrou uma ocorrência que terminou em um morto e um ferido, no município de Salete, no Vale do Itajaí. O caso aconteceu na noite de quinta-feira (31), mas as imagens foram disponibilizadas pela Polícia Militar neste sábado (2).

Vídeo tenso mostra policial sendo baleado durante abordagem em Salete – Foto: PM/Reprodução

Durante abordagem a um homem na Rua Luiz Bertoli, no Centro do município, um policial da guarnição foi baleado. Após troca de tiros, o autor dos disparos, de 40 anos, foi morto. O PM foi encaminhado ao hospital e passa bem.

“Sei que tem uma arma”

Segundo a PM, por volta das 21h de quinta-feira, durante rondas pela região, o policial abordou o suspeito, que já era conhecido da corporação por outros crimes.

O homem tinha acabado de descer de um veículo e entrava em uma casa. “Preciso dar uma olhada no carro do senhor”, aborda o policial. O suspeito, no entanto, desobedece e caminha tranquilamente em direção à porta do imóvel.

“Levanta a blusa, quero ver a cintura do senhor”, insiste o PM. O homem, então, dá meia-volta e caminha lentamente em direção ao policial, que pede que ele se afaste.

“Levanta a camisa, não chega perto de mim, eu sei que tu tem arma”, diz o PM. O suspeito, então, retira a arma da cintura e aponta para o policial, disparando em seguida contra o militar. O policial corre.

O vídeo termina neste momento e não mostra a troca de tiros que terminou com a morte do autor dos disparos.

Policial foi atingido por dois tiros

O policial foi atingido por dois tiros, na mão direita e no peito. Segundo a PM, após fugir, ele revidou e baleou o homem no abdômen. O suspeito chegou a ser encaminhado com vida ao hospital, mas morreu na unidade de saúde.

Conforme a PM, o homem – que não teve a identidade divulgada – tinha passagens por violência doméstica, ameaça, posse irregular de arma de fogo e munições, disparo de arma de fogo, direção de veículo sob efeito de álcool e drogas, e tentativa de homicídio – pelo último crime, seria submetido ao Tribunal do Júri na próxima semana.

A Polícia Civil e o IGP (Instituto Geral de Perícias) compareceram ao local. As armas e cápsulas de munições foram recolhidas. O policial foi operado e passa bem – ele usava colete a prova de balas.

Polícia