Vigilância Epidemiológica alerta para caso suspeito de sarampo no RD Summit

Atualizado

A Vigilância Epidemiológica de Florianópolis informa que acabou de ser notificada sobre um caso suspeito de sarampo entre os participantes do evento RD Summit 2019. O evento começou no dia 6 e termina nesta sexta (8),  no Centro de Eventos de Florianópolis (Centrosul).

O paciente, que veio de São Paulo, também esteve no restaurante Seu Zé (avenida Rio Branco, 313) no dia 5 à tarde. Na noite do dia 6 de novembro (quarta-feira) ele foi ao restaurante Ostradamus, localizado em Coqueiros. Por fim, na noite do dia 7 (quinta-feira) ele foi ao restaurante Trapiche Bar, no Mercado Público.

A organização do RD Summit informou por volta das 18h desta sexta (8) que ainda não foi notificada oficialmente pela Vigilância Epidemiológica de Florianópolis. Porém, prezando pelo bem-estar dos participantes, proativamente comunicou a todos a suspeita. A Resultados Digitais, que organiza o evento, se colocou à disposição em caso de dúvidas.

O restaurante Ostradamus Coqueiros também informou que aguarda o comunicado da Vigilância Epidemiológica, mas que já está tomando todas as medidas necessárias e sugeridas pelo órgão, como a conferência da carteira de vacinação dos funcionários.

Leia também:

Barrar a transmissão

Como procedimento padrão neste tipo de caso, sempre é realizado o levantamento de todas as pessoas que estiveram em contato com o doente, para que as devidas medidas para barrar a transmissão do Sarampo sejam tomadas.

Neste caso específico, pedimos o apoio da imprensa para a divulgação desta informação, solicitando que as pessoas que estiveram no RD Summit e nos restaurantes Seu Zé (rua Rio Branco), Ostradamus de Coqueiros e Trapiche Bar do Mercado Público façam contato com a Vigilância Epidemiológica pelos fones (48) 3212-3910 ou (48) 3212-3907.

Mais conteúdo sobre

Saúde