‘Vingança antiga’, diz delegado sobre homem morto com 10 facadas em Chapecó

Atualizado

Após cinco meses de investigação, a DIC (Divisão de Investigação Criminal) desvendou o homicídio de Sidinei Bolsoni, de 44 anos, que ocorreu em maio deste ano, em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina.

Homicídio ocorreu na Rua Paulo Pasqualli, no Bairro Efapi em Chapecó – Foto: Rádio Efapi/Reprodução

Bolsoni foi morto com 10 golpes de facas no bairro Efapi. Segundo o delegado Vagner Tiago Papini, que investigou o crime, o suspeito do homicídio é um homem de 36 anos. 

Ainda segundo o delegado, o crime foi praticado por vingança, visto que Bolsoni teria matado a tiros o irmão e o sobrinho do suspeito, que à época tinha 16 anos, em 1999. 

“Ele cresceu, mas por duas décadas nutriu esse sentimento de vingança, até que no dia 16 de maio ele pôs em prática e deu fim a vida da vítima”, destacou Papini.

Leia também:

Delegado Vagner Papini falou sobre o caso nesta quinta-feira – Foto: Alexandre Madoglio/NDTV

O inquérito do caso foi concluído e será encaminhado ao Poder Judiciário. O suspeito está em liberdade. 

“A Polícia Civil representou pela prisão preventiva e o Ministério Público ofereceu a denúncia, mas entendeu que neste primeiro momento as medidas cautelares seriam suficientes”, salientou o delegado. 

Polícia