Espírito público para salvar vidas

Importantes entidades representativas de Florianópolis – Acif, CDL, Fiesc, OAB, Sinduscon, Floripa Sustentável, Acate, entre outras – com apoio técnico da Associação Catarinense de Medicina – estão dando à cidade uma demonstração de espírito público.

Juntas, irão oferecer aos cidadãos da região Metropolitana (que inclui São José, Palhoça e Biguaçu) um importante serviço complementar e de apoio à rede pública municipal de saúde no atendimento exclusivo aos casos de Covid-19.

Inspiradas no modelo do Alô Saúde, da Prefeitura de Floripa, as entidades reuniram fundos e esforços para contratar um serviço que inclui telemedicina e atendimento domiciliar focado em pacientes com suspeita ou confirmação da doença. Grandes empresas privadas também já sinalizam adesão à ideia.

Esta central de atendimento se chamará Aliança pela Vida e estará disponível muito em breve a qualquer cidadão da região, com ou sem convênio de saúde.

Além do serviço de orientação e acompanhamento médico à distância, a central Aliança pela Vida poderá fazer inicialmente até 25 atendimentos domiciliares por dia, iniciando o tratamento na casa do paciente quando for o caso. Esse apoio vai tirar a necessidade de muitos pacientes se deslocarem até as unidades de saúde e evitar que muitos outros precisem de internação, o que é uma ajuda importantíssima.

O prefeito Gean Loureiro participou diretamente conosco do desenho da Aliança e o que testemunhei foi uma união poucas vezes vista em torno de uma mesma causa: salvar vidas.

A Prefeitura tem feito todo o possível dentro do que permite a legislação e o orçamento, aumentando leitos, horários, serviços e contratando mais profissionais.

Mas, como em todo o Brasil, estamos no limite. Vamos trabalhar integrados com a Aliança no município de Florianópolis e em breve a população terá acesso a informações detalhadas sobre como funcionará o atendimento.

Muito provavelmente, Florianópolis será a primeira cidade do Brasil a ter atendimento médico gratuito domiciliar à população, um modelo que poderá ser replicado.

O gesto e a ação das entidades, empresas e da classe médica que estão se doando pelo próximo são dignos de registro e agradecimento. Em meio a tanta tristeza e sofrimento, a Aliança pela Vida nos dá esperança por dias melhores.

+

Artigos