Reconstruir melhor juntos

O mundo celebra neste 3 de julho o Dia Internacional das Cooperativas (#CoopsDay), este ano com o tema “Reconstruir melhor juntos”. É uma oportunidade para que as cooperativas, presentes em mais de 100 países, mostrem à sociedade como um modelo de negócios centrado no ser humano e sustentado por valores cooperativos, éticos e de responsabilidade social, podem reduzir a desigualdade, estimular o desenvolvimento e criar uma economia compartilhada, com foco na sustentabilidade, e que tem dado importante contribuição para enfrentar a pandemia.

Desde o início da Covid-19, o sistema cooperativista, de todos os ramos, demonstrou que a saída não é individual, mas cooperativa, como faz há mais de um século, e que hoje congrega 1,2 bilhão de cooperados em todo o planeta.

O cooperativismo, baseado em sete princípios, nasceu em 1844 em Rochdalle, na Inglaterra, com o objetivo de enfrentar as dificuldades econômicas da época. Desde então, esse modelo democrático e gerido pelos próprios cooperados, mostrou-se eficaz para superar as crises, promover o desenvolvimento e distribuir de forma justa os resultados alcançados, visto que não tem objetivo de lucro.

No Brasil, o sistema cooperativo possui 15,5 milhões de cooperados e continua a crescer. As 1.093 cooperativas filiadas à Organização das Cooperativas Brasileiras geram 417.576 empregos diretos e recolhem cerca de R$ 11 bilhões em impostos para os cofres públicos (dados 2020).

A celebração deste ano será o 99º Dia Internacional das Cooperativas e o 27º com reconhecimento oficial das Nações Unidas. Desde 1995, a Aliança Cooperativa Internacional e a ONU, por meio do Copac (Comitê para a Promoção e Avanço das Cooperativas), definem em conjunto o tema anual do #CoopsDay.

O objetivo de comemorar a data é, conforme a ACI, aumentar a conscientização das cooperativas e promover ideias do movimento de solidariedade internacional, eficiência econômica, igualdade e paz mundial.

O Dia Internacional das Cooperativas, comemorado sempre no primeiro sábado de julho, busca chamar a atenção de formuladores de políticas locais, nacionais e globais, organizações da sociedade civil e o público em geral, para que descubram nas cooperativas um modelo de negócios que garante um futuro mais próspero e justo para todos.

+

Artigos

Artigo

Sabido e ressabido que “todo poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou ...

Artigo

As velhas tragédias gregas já nos ensinaram que são poucas as coisas que de fato movem a humanidade: ...

Artigo

​A infraestrutura é aliada incondicional do desenvolvimento econômico e social. A afirmação é irrefu ...