Avanços na educação

Ao lado dos recursos naturais, a educação é o maior seguro que uma Nação pode ter para o seu futuro. Como o Brasil é abençoado por Deus, que nos concedeu uma natureza exuberante, a mão humana precisa fazer a sua parte para promover melhorias e qualificar a educação.

A inteligência é a única saída para elevar o Brasil ao nível de uma nação desenvolvida, em condições de oferecer melhores condições de vida ao seu povo. Nesse sentido, tivemos uma boa notícia. O ensino médio no Brasil teve, em 2019, o maior salto no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) desde 2005. O Ideb é o principal indicador de qualidade da educação brasileira.

O avanço de 0,4 ponto obtido entre 2017 e 2019 foi o maior em toda a série histórica – avançou de 3,8 pontos para 4,2. Estamos longe da meta, que era 5, mas o país pode comemorar, já que em 2005 o Ideb era de 3,4. Santa Catarina também avançou no ensino médio, de 4,1 em 2017 para 4,2 em 2019. Este é o melhor índice do Estado em oito anos nessa faixa etária. No ensino fundamental, os alunos catarinenses alcançaram índice de 6,5, o mesmo de 2017, bem acima da média nacional, que foi de 5,9.

Apesar de o avanço ser lento, há ótimos exemplos no país. São casos de sucesso que elevam a educação em determinados Estados ou municípios. Santa Catarina e Florianópolis são alguns deles.

O que o país precisa é uniformizar o ensino, reforçar os ensinamentos onde os índices estão abaixo da média nacional e investir cada vez mais em novas escolas, reformas e ampliações, na qualificação e valorização dos professores e no bem-estar dos estudantes.

Ontem, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, reforçou a questão da valorização dos professores. “Um professor bom, embaixo de uma árvore, impacta a vida de uma criança, de um aluno, e é isso que a gente precisa: capacitar os professores e valorizá-los. Não posso entender um professor tendo que dar aula de manhã, de tarde e de noite para poder ter um sustento mínimo e digno para a sua família”, afirmou. Por tudo isso, é preciso manter a educação no alto da pauta de prioridades.

+

Editoriais

Editorial

A aprovação pela continuidade do processo de impeachment do governador Carlos Moisés e da vice Danie ...