Modernização do Turismo

A decisão unânime do TCE (Tribunal de Contas do Estado) que derrubou a decisão do conselheiro Dado Cherem que havia determinado a suspensão do edital internacional lançado pela Prefeitura de Florianópolis para o Parque Urbano e Marina da Beira-Mar Norte é para ser comemorada.

O projeto para a construção do grande empreendimento é o ponto de partida para uma mudança em toda a configuração do turismo de Florianópolis e até mesmo da região. Viabilizado, vai consolidar a importância da modernização e construção de equipamentos turísticos que sejam complementares às nossas praias, aos atrativos turísticos, como a nova ponte Hercílio Luz e a praia agora balneável da Beira-Mar Norte, e a todo o conjunto das nossas belezas naturais.

O crescimento do turismo, principal indústria de Florianópolis, e sua modernização, como a construção da Marina da Beira-Mar Norte, são importantes para todos os segmentos da economia local e estadual. Além de proporcionar oportunidades, a previsão é de criar cerca de 6.000 empregos diretos, o projeto se firma como um animador, gerando investimentos em cadeia que se refletirão em todos os setores da nossa economia. O investimento estimado é de R$ 190 milhões.

O avanço do projeto da marina também resgata parte da dívida de Florianópolis com o mar, e aponta para outros caminhos, como o transporte marítimo e a implantação de um terminal para embarque e desembarque de turistas em cruzeiros nacionais e internacionais. O mar é a grande saída para uma ilha que precisa crescer no turismo e avançar em opções de mobilidade que possam ir além das tradicionais.

+

Editoriais