Negociar sempre

A união e o apoio entre pessoas de diferentes segmentos para vencer a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus tem se destacado em meio às discussões em torno da forma com que as diferentes esferas governamentais têm tratado do assunto.

Em meio à crise, felizmente, o que mais se observa é a solidariedade. Embora muitas pessoas ainda sejam resistentes em se adaptar às mudanças de rotina impostas pela presença cada vez mais próxima e real da doença entre nós, o fato é que ela não pode mais ser ignorada. E não há ninguém que tenha passado incólume por ela.

A ameaça da Covid-19 afetou a vida de todos de alguma forma, obrigando à mudança de hábitos e a repensar a rotina e prioridades. Um dos segmentos mais afetados é o comércio. À exceção das grandes redes de supermercados, mercearias, peixarias, farmácias e alguns segmentos considerados essenciais, um mês de portas fechadas já começa a apresentar sua fatura.

Por isso, louvável a atitude da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Florianópolis, que lançou nesta semana a campanha “Locador, o momento é de colaboração”, com o objetivo de sensibilizar os proprietários de imóveis comerciais que estão alugados, para que se mostrem dispostos a negociar os valores e pagamentos de aluguéis durante o período de crise.

Obviamente, que além dos proprietários, a CDL precisa sensibilizar o segmento imobiliário. Algumas tentativas de negociação já se revelaram bem-sucedidas, o que já traz ânimo para os empreendedores que ainda não têm aval para a retomada de suas atividades, e que precisam honrar seus compromissos e ainda garantir os empregos dos funcionários.

Que a bandeira da negociação e do acordo, que a CDL está levantando, sensibilize não somente os donos de imóveis comerciais, mas também os de imóveis residenciais locados para pessoas que eventualmente perderam empregos ou tiveram redução de renda neste período. Conversando e entendendo a situação um do outro é possível chegar numa negociação ideal para ambos é a lição que a entidade propõe como uma forma de salvar vidas, empregos e negócios.

+

Editoriais

Editorial

O Grupo ND e a Fiesc (Federação das Indústrias de Santa Catarina) deram a largada na sexta-feira (23 ...

Editorial

O Brasil está virando um país de golpistas e fraudadores. Durante a pandemia, o número de golpes e f ...