Moacir Pereira

Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Acaba a greve dos empregados da Comcap

Sintrasem pagará multa de 100 mil reais e dias parados serão compensados sem pagamento de horas extras

Os empregados da Comcap decidiram na manhã desta segunda-feira (1º), durante assembleia geral, acabar com a greve, declarada ilegal duas vezes pelo Tribunal de Justiça de Santa Catarina, e que vinha merecendo as mais veementes críticas da população da Capital.

Empregados da Comcap, que estavam paralisados há 14 dias, finalizam greve após assembleia – Foto: Léo Munhoz/NDEmpregados da Comcap, que estavam paralisados há 14 dias, finalizam greve após assembleia – Foto: Léo Munhoz/ND

Eles retornam ao trabalho mediante acordo com a Prefeitura, negociado pelo presidente da Câmara, Roberto Katumi, e representante do prefeito Gean Loureiro.

Os termos do acordo:

1. O Sintrasem vai pagar multa de 100 mil reais, que serão usados na recuperação dos caminhões que foram destruídos pelos grevistas:

2. Os dias parados não serão descontados, mas os grevistas terão que compensar com horas extras que não serão remuneradas.

A lei aprovada pela Câmara e já sancionada, que corta privilégios dos empregados, equiparando-os com os demais servidores, permanece inalterada.

Os empregados que fizeram greve entre os dias 18 e 31 de janeiro tiveram desconto nos salários, segundo o prefeito. Isto representa 90% do total empregado na Comcap.