Esplanada

Leandro Mazzini é jornalista, escritor e pós-graduado em Ciência Política pela UnB. Iniciou carreira em 1994 e passou pelo Jornal do Brasil, Gazeta Mercantil, Correio do Brasil, Agência Rio, entre outros. O blog é editado por Mazzini com colaboração de Walmor Parente e equipe de Brasília, Recife e São Paulo.


Caso Lula no STF abre precedente e condenados podem processar até PF

Bancas criminais de sentenciados na Lava Jato analisam pedir multas de volta e impetrar ação por constrangimento

Com a recente decisão no STF de anulação das condenações do então juiz Sérgio Moro contra o ex-presidente Lula da Silva, muito se discute nas grandes bancas criminalistas a oportunidade de outros presos da operação Lava Jato, no âmbito da 13ª Vara Criminal, conseguirem o benefício na alta Corte com vistas a recuperar multas milionárias pagas mediante delação premiada, ou devolução de dinheiro bloqueado oriundo de suposta propina.

Em alguns casos, são centenas de milhões de reais na conta do Tesouro. Mas por outro lado há um fator preocupante no Judiciário que envolve a Polícia Federal, que pode entrar na mira dos presos. Em eventual absolvição de outros sentenciados, estes podem impetrar ações na Justiça federal contra a atuação da PF e pedir indenização por danos morais com a exposição das prisões.

O então  deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT) foi preso em 2014 pela PF acusado de fazer “boca de urna” numa entrevista. O constrangimento na frente dos filhos rendeu processo de indenização, vencido por ele.

Aliás, Lula disse que todos os que o acusaram iriam pagar um dia. Todos, e citou a PF e Sérgio Moro. Foi durante a sua prisão no episódio que parou o País.

PSB rachado 1

O PSB enfrenta crescente e natural rejeição pelo desgaste da administração no Estado e capital, há anos. E seu principal nome, João Campos (27 anos), não tem idade para disputar o Governo. O MDB vem forte para tentar ganhar o espaço.

Não é à toa que a toda-poderosa Renata Campos, viúva do ex-presidenciável Eduardo e mãe do prefeito João (Recife) tem insistido junto a Lula para que o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, seja contemplado com a vice na chapa do petista.

A cúpula do PSB, baseada no Recife, quer apoiar Lula com Câmara de vice. Outro grupo do partido quer lançar algum nome na disputa, para sair da lista de coadjuvante.

Sincericídio

Com perfil de NOVO e sincerão do Governo de Minas Gerais, diferente dos mais discretos ex-governadores, Romeu Zema enterrou o restante da sua governabilidade ao chamar de mercenários os deputados estaduais. Opositores e até aliados reclamam, entre portas, que ele poderia ter evitado o termo infeliz.

O maior adversário para a reeleição de Zema, o prefeito da capital, Alexandre Kalil (PSD) – cartola do Atlético que tem votos de milhares de cruzeirenses – até hoje não entrou em bola dividida com a Câmara de Vereadores.

TransFAB

Chegou ao STJ o processo mais polêmico envolvendo os quadros da Força Aérea Brasileira. A Corte vai decidir a patente da aposentadoria de Maria Luiza da Silva, a primeira transsexual da FAB, afastada da carreira após a cirurgia.

De tubarões..

No mesmo dia em que o ministro do STF Alexandre de Moraes anulou a decisão do juiz Marcelo Bretas que transformou em réus o ex-presidente Michel Temer e o ex-ministro Moreira Franco, a ministra Cármen Lúcia absolveu um casal morador de rua de roubo.

Cármen aplicou o princípio da insignificância para absolver da sentença de 4 meses de prisão casal morador de rua de Joinvile (SC) que roubou produtos de mercado. Foram R$ 155,88 em macarrão, creme dental, sabonete e outros produtos de necessidade básica

Em campanha

 

Ciro Gomes (PDT) está disposto a ser a alternativa a Lula e Bolsonaro na disputa presidencial. Viaja o País para conversar com caciques. Encontrou ACM Neto (DEM).

‘Comunistazinho’

ACM Neto, centro-direita e liberal desde o berço, foi chamado de ‘comunista’ e ‘comunistazinho’ por bolsonaristas no Aeroporto de Brasília há dias. Quem diria..?

Profissão difícil

Não é novidade para os jornalistas. Mas foi preciso que uma renomada ONG internacional, a Repórteres Sem Fronteira, divulgasse relatório para chamar a atenção. O Brasil caiu quatro posições e passou à 111ª colocação entre 180 países no ranking de liberdade de imprensa global. O País entrou na lista vermelha que aponta a atividade como “difícil” por aqui.

Hollywood é aqui

De um amigo norte-americano  lendo notícias do Brasil: quer dizer que seu presidente ganhou a eleição porque ninguém aguentava mais o PT, e agora o Lula pode ganhar a eleição porque todo mundo conheceu quem é seu presidente? Que filme hollywoodiano.

Corre-corre

O patronato não para de ligar desde ontem para as bancas advocatícias que atuam em causas nos Tribunais Regionais e no Tribunal Superior do Trabalho. Em decisão de 1ª instância, a Justiça de Minas Gerais reconheceu como acidente de trabalho uma morte por coronavírus. Abriu precedente perigoso no País.

A decisão é do juiz Luciano José de Oliveira, que analisou o caso na Vara do Trabalho de Três Corações (MG). A família alega que o homem vitimado trabalhava como motorista e foi contaminado no exercício da profissão. A causa envolve R$ 200 mil de indenização à família da vítima

MERCADO

Brasileiros 

Obrigada a fechar sua lojinha de sapatos por seguidos decretos municipais e estaduais, em Cabo Frio e Nova Friburgo (RJ), com restrição às atividades por causa da pandemia, a comerciante Adriana Benvenuti de Macedo teve uma criativa ideia para não perder os clientes. Passou a anunciar pelas redes sociais fatias de bolos a R$ 259,90, e o(a) cliente leva de brinde um tênis da marca que comercializa. O “drible” genial foi duplo. Também não precisou mudar a natureza da sua operação do CNPJ.