Paulo Alceu

pauloalceu@ndtv.com.br Análises qualificadas e comentários assertivos acerca dos assuntos mais relevantes para os catarinenses.


Edson Fachin volta a atirar contra Bolsonaro e Forças Armadas

Em visita à sala onde são feitos testes de segurança nas urnas eletrônicas, o presidente do TSE declarou que "quem investe contra o processo eleitoral investe contra a democracia"

Embora tenha ressaltado que não manda recado e nem recebe recado, o presidente do TSE, Edson Fachin, em seu discurso de agradecimento à equipe que vem realizando testes nas urnas eletrônicas eleitorais não mediu palavras para alfinetar a Presidência da República e as Forças Armadas.

Ministro Edson Fachin toma posse como presidente do TSE – Foto: Fellipe Sampaio/ SCO / STFMinistro Edson Fachin toma posse como presidente do TSE – Foto: Fellipe Sampaio/ SCO / STF

Deixou claro que a democracia vencerá as eleições em outubro e que nada nem ninguém vai interferir na Justiça Eleitoral. Contrapontos ao presidente Bolsonaro, que continua questionando a confiabilidade das urnas.

Fachin, inclusive, disse que a sala de apuração é clara e aberta, rebatendo uma questionamento das Forças Armadas de que se tratava de um local escuro e fechado. O presidente do TSE estava ao lado dos ministros  Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski, presenças um tanto simbólicas nesse momento.

Infelizmente, nesse clima de suspeições e alfinetadas de ambos os lados estamos nos encaminhando para uma campanha eleitoral que promete manter o mesmo cenário de imposição de poder que deveria dar isso, garantias e tranquilidade.

Loading...