Poder

os bastidores da política em Santa Catarina com informação e opinião sobre os fatos quentes do poder.


Fichas Sujas: Vice-PGR entra no STF contra decisão de Kassio

A decisão do ministro Kassio Nunes Marques foi duramente criticada por integrantes do STF e do TSE

O vice-procurador-geral da República, Humberto Jacques de Medeiros, entrou com recurso no STF (Supremo Tribunal Federal) para derrubar a decisão do ministro Kassio Nunes Marques que suspendeu trecho da Lei da Ficha Limpa e livrou o caminho de políticos que concorreram nas eleições municipais de 2020, mas tiveram o registro barrado pela Justiça Eleitoral devido à legislação.

Kassio Nunes teve decisão que suspendeu trecho da lei da ficha limpa – Foto: Divulgação/TRF1/NDKassio Nunes teve decisão que suspendeu trecho da lei da ficha limpa – Foto: Divulgação/TRF1/ND

O recurso foi encaminhado para análise do presidente do STF, Luiz Fux, que pode derrubar a decisão de Nunes Marques durante o recesso do Judiciário, iniciado no último domingo.

O tribunal só retoma regularmente as atividades em fevereiro. A decisão de Nunes Marques foi duramente criticada por integrantes do STF e do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Ministros ouvidos pelo Estadão avaliam que a determinação do magistrado é um “absurdo” e “relativiza regras já confirmadas pelo próprio STF”.

Candidato

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que deve anunciar seu candidato à sucessão na Casa até quarta-feira.

Nos bastidores, o deputado Baleia Rossi (MDB-SP) é apontado como favorito. Maia também avaliava lançar Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) na disputa. O partido de Aguinaldo, porém, lançou Arthur Lira (PP-AL), em oposição ao grupo de Maia.

Reeleição

A deputada federal Geovânia de Sá, presidente estadual do PSDB, pretende concorrer à reeleição para o comando do partido em Santa Catarina em 2021.

A eleição da nova executiva estadual deve acontecer em abril. Em meados de janeiro, Geovânia inicia roteiro por todo o Estado, em municípios onde o PSDB elegeu prefeitos e vices, iniciando pela região Oeste.

“Nossa intenção é tratar das demandas de cada município e também a motivação”, especificou a deputada que tem reunião reservada com o governador Moisés em Florianópolis nesta terça-feira (22).

Karina Manarin

Acesso

Jorginho Mello (PL) viajou na tarde desta segunda-feira (21) para São Francisco do Sul para se encontrar com Jair Bolsonaro novamente. Ele foi convidado pela presidência para se fazer presente no jantar que o chefe da nação ofereceu aos seus mais chegados.

O senador tem jogado com o presidente da República em todas as ações políticas que busca no Senado porque é um dos nomes que deverão disputar a eleição em 2022 para governador.

O presidente estadual do PL quer ser o candidato com aval total do Palácio do Planalto a ser escolhido por ele em SC. Por ser uma aposta muito distante, faltando praticamente dois anos, terá que torcer para que sua popularidade se mantenha em alta para influir no resultado e vencer o pleito no Estado.

O clima do embate eleitoral de 2018 não será o mesmo em 2022 porque o cenário, como se sabe, política muda todos os dias.

Marcos Schettini