Poder

os bastidores da política em Santa Catarina com informação e opinião sobre os fatos quentes do poder.


Liderança do Governo no Congresso diz que reforma tributária é prioridade

“É desejo do Presidente uma reforma tributária que simplifique e modernize os impostos sem aumento de carga tributária”, diz nota do líder

A liderança do governo na Câmara dos Deputados divulgou nesta quinta-feira (3) nota em que afirma que a aprovação da reforma tributária é uma das prioridades do governo Bolsonaro.

A nota diz que a assessoria do Ministério da Economia vem acompanhando os trabalhos realizados pelo relator da reforma tributária, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) e que tem encaminhado as informações solicitadas, aguardando a publicação do relatório para emitir um parecer oficial.

Projeto de reforma foi encaminhado à Câmara em julho – Foto: Pedro França/NDProjeto de reforma foi encaminhado à Câmara em julho – Foto: Pedro França/ND

“É desejo do presidente uma reforma tributária que simplifique e modernize os impostos sem aumento de carga tributária”, disse na nota o líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR).

Em julho, o governo encaminhou à Câmara dos Deputados um projeto de reforma tributária, propondo a criação da CBS (Contribuição sobre Bens e Serviços).

Contas banidas

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e o WhatsApp divulgaram ontem, os resultados da parceria estabelecida entre as duas entidades para combater as notícias falsas durante as eleições deste ano.

De 27 de setembro a 29 de novembro, a plataforma de denúncias para contas suspeitas de disparos de mensagens em massa recebeu 5.180 registros, sendo 199 denúncias descartadas por não estarem relacionadas às eleições.

Após esse primeiro filtro, o TSE enviou 4.981 denúncias para o WhatsApp, para verificação de possíveis violações dos termos de serviço do aplicativo. Depois de uma revisão preliminar para remover números duplicados ou inválidos, o WhatsApp identificou 3.527 contas válidas e baniu 1.042 números (29,5%) por violação de seus Termos de Serviço.

Presidência definida

Em Criciúma, no Sul do Estado, onde o prefeito Clésio Salvaro (PSDB) foi reeleito e conquistou a maior bancada de vereadores na Câmara, já está definida também a presidência do Legislativo.

O vereador reeleito pelo PSDB, Arleu da Silveira, será o presidente da Câmara de Vereadores a partir de janeiro de 2021.

A vice será Geovana Zanette, também do PSDB. O acordo entre os vereadores foi fechado nesta semana em reunião que contou além dos dez eleitos pelos partidos que compuseram a coligação encabeçada pelo prefeito Clésio, com o vereador Pastor Jair, do PL, partido que na eleição teve como candidata a prefeita Júlia Zanatta, que fez oposição ferrenha a Salvaro.

Pastor Jair será o presidente da Câmara no último ano de mandato. O segundo ano de mandato terá como presidente a vereadora Roseli de Luca, também do PSDB, a mais votada na eleição do dia 15 de novembro. O terceiro ano será de Salésio Lima, do PSD.

Karina Manarin

Vacina

A indefinição sobre a liberação de recursos pode comprometer o cronograma de produção da vacina contra a Covid-19. A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) vai precisar de R$ 2 bilhões em recursos adicionais para assegurar mais 110 milhões de doses do imunizador que está sendo desenvolvido em conjunto com a farmacêutica AstraZeneca e a Universidade de Oxford.

A Fiocruz já recebeu R$ 3,6 bilhões que foram investidos nas primeiras 100 milhões de doses. Os recursos também financiaram a produção de 11,7 milhões de testes moleculares para a detecção do vírus.

Leandro Mazzini

Loading...