Moacir Pereira

Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Médicos de SC e do Brasil repudiam senadores da CPI da pandemia

Notas oficiais foram lançadas nas últimas horas por várias entidades em repúdio ao tratamento dado por senadores às médicas depoentes

A CPI da Pandemia do Senado Federal, também conhecida como o Circo de Horrores, ficou ainda mais desmoralizada esta semana, com as arbitrariedades praticadas por vários senadores.

Nise Yamaguchi, CPI da Covid, – Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado/NDNise Yamaguchi, CPI da Covid, – Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado/ND

As médicas convidadas foram espezinhadas e ultrajadas como profissionais e seres humanos que merecem respeito, sobretudo da representação política nacional.

O presidente da CPI, senador Omar Aziz, um desqualificado que já foi investigado pela Polícia Federal, acusado de corrupção e que teve familiares presos por lavagem de dinheiro e tráfico de influência, comporta-se como um moleque.

Tem sido criticado por atos autoritários que beiram a imbecilidade no comando da Comissão, avacalhando ainda mais a imagem do Senado e do Congresso Nacional.

O relator, senador Renan Calheiros, é outro personagem que o mundo civilizado tem como figura desprezível. Arrogante e prepotente, o Torquemada alagoano humilha e ofende os depoentes.

Esta vergonhosa CPI vem recebendo merecidas manifestações de repulsa em todo o Brasil, como a contundente “nota de repúdio” do Conselho Federal de Medicina e de todos os Conselhos Regionais de Medicina, incluindo o de Santa Catarina.

O CFM exige respeito depois de ressaltar que os médicos e profissionais da saúde vem se desdobrando no atendimento aos pacientes da Covid-19 em todo o Brasil. Condena a postura de vários senadores, enfatizando que são inadmissíveis os ataques à honra e a dignidade dos médicos e de todos os depoentes.

Oportunismo político, motivação ideológica radical e objetivo eleitoreiro estão enterrando a imagem do Senado.

Esta CPI é o maior vexame da história do Senado.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.