Moacir Pereira

Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Procuradoria estuda decisão da Justiça Federal para posição da Assembleia Legisaltiva

Decisão da Justiça Federal deverá ser submetida ao Plenário do Legislativo

A Procuradoria da Assembleia Legislativa continua examinando a decisão da juíza Janaina Cassol Machado, da 1ª. Vara da Justiça Federal da Capital, que decretou a prisão preventiva do presidente Júlio Garcia.
O documento tem 635 páginas, com documentos e vários relatos sobre todos os investigados que são atingidos pela prisão preventiva. Somente ontem a noite a decisão foi liberada aos advogados. E apenas hoje as 11,30 horas a Assembleia Legislativa foi oficialmente comunicada pela Justiça Federal.
A Procuradora Geral, Karula Trentin Lara, informou que a decisão está sendo avaliada, em função de dispositivos constitucionais, que definem a apreciação pelo poder legislativo.
O presidente interino, deputado Mauro de Nadal, do MDB, tomou conhecimento da decisão e ouviu as primeiras avaliações do setor jurídico. E viajou hoje para o oeste catarinense, sua base eleitoral, de onde aguardará definição da Procuradoria.
Advogados e juristas ouvidos analisam duas alternativas: 1. O presidente em exercício Mauro de Nadal convoca uma sessão extraordinária para decisão sobre a prisão preventiva e afastamento de Júlio Garcia da presidência e do mandato; 2. A Assembleia Legislativa deixa para tomar uma posição após o dia 1º de fevereiro, quando serão instalados os trabalhos legislativos.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.