Moacir Pereira

Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Senador Jorginho Melo e catarinenses almoçam com presidente Bolsonaro

Encontro aconteceu no Forte Marechal Luz, em São Francisco do Sul.

Jorginho fez vários apelos – Foto: DivulgaçãoJorginho fez vários apelos – Foto: Divulgação

Durante almoço no Forte Marechal Luz, em São Francisco do Sul, com o presidente Jair Bolsonaro, o senador Jorginho Melo(PL) fez um apelo veemente para que encontra  uma fórmula que evite um novo aumento dos combustíveis.  Disse que o ministro da Economia, Paulo Guedes, poderá encontrar uma solução com sua equipe.  E que a Petrobrás também precisa ter um mínimo de preocupação com a economia e com os reflexos sociais de novos reajustes da gasolina e do diesel.

Advertiu que “não dá mais conceder aumentos; os caminhoneiros irão reagir”.  Bolsonaro disse que está tratando este assunto como prioritário e “com dureza”.

O empresário Emilio Dalcóquio, que tem uma grande empresa de distribuição de combustíveis em Itajaí, e forte identificação com os caminhoneiros, também participou das conversas visando sensibilizar o presidente.

O presidente estadual do PL e o político catarinense hoje com maior trânsito no Palácio do Planalto, fez um relato ao Chefe da Nação sobre o agravamento da pandemia em Chapecó e no oeste catarinense, colocando o circuito o prefeito João Rodrigues. Bolsonaro ligou para o ministro da Saúde, Eduardo Pazuelo, que prometeu várias ações para atendimento das emergências no oeste.

O senador Jorginho Melo pediu, ainda, ao presidente que falasse com o ministro da Infraestrutura, Tarcisio Freitas  sobre o atraso de rodovias federais em Santa Catarina, colocando-se a disposição para aprovação de emendas parlamentares visando garantir recursos destinados as BR-470 e 280.

Participaram do almoço  o deputado federal Coronel Armando (PSL), o deputado Eduardo Bolsonaro, o sr. Emilio Dalcóquio e assessores do presidente (foto).

*