Homem preso na invasão do Capitólio nos EUA se nega a comer comida da prisão

Durante manifestação, ele estava sem camisa e usava pintura no rosto e um casaco de pele com chifres no chapéu

O manifestante que chamou atenção durante a invasão do Capitólio nos EUA, se recusou a comer dieta na prisão. Durante manifestação, ele estava sem camisa e usava pintura no rosto e um casaco de pele com chifres no chapéu. As informações são do jornal The Week. 

O manifestante foi identificado como Jacob Chansely – Foto: Reprodução/Twitter/NDO manifestante foi identificado como Jacob Chansely – Foto: Reprodução/Twitter/ND

Jacob Chansley, como foi identificado, foi levado sob custódia acusado de entrar e permanecer intencionalmente em qualquer prédio ou terreno restrito sem autoridade legal, e entrada violenta e conduta desordenada no Capitólio. Ele participava ativamente de atos a favor de Donald Trump.

Na segunda-feira (11), sites de notícias dos Estados Unidos relataram que o defensor público de Jacob, disse em uma audiência remota, que o mesmo “estava em uma dieta extremamente restritiva, por motivos religiosos, e não tinha comido desde que foi levado sob custódia.

“Ele fica muito doente se não comer alimentos orgânicos – literalmente adoece fisicamente”, disse a mãe de do protestante à mídia.

David Gonzales, porta-voz dos Marshalls no Arizona, disse que seria fornecida alimentação alinhada com as estritas necessidades da atividade religiosa do detento.

+

Política Internacional