Cacau Menezes

Apaixonado pela sua cidade, por Santa Catarina, pelo seu país e pela sua profissão. São 45 anos, sete dias por semana, 24 horas por dia dedicados ao jornalismo


Nos EUA o lobby é permitido e vem de todos os lados

Quem ganha na pandemia

Foto: Sinval PaulinoFoto: Sinval Paulino

Lobby
Thomas Hobbes divulgou em seu Leviatã a frase “homo homini lupus” (“o homem é o lobo do homem”).  Mas o homem é o lobista do homem. Nos EUA o lobby é regulamentado por lei, há lobistas profissionais. E o maior lobby que atua nas eleições é o da indústria bélica (armas) seguido do da indústria farmacêutica (drogas). Depois que vêem coisas como “menores” como energia e tecnologia. Todos esses grupos lobistas apoiam republicanos e democratas, mas a indústria farmacêutica tem uma “quedinha” por estes últimos. A corrida para descobrir a cura da Covid-19 é algo inimaginável para nós reles mortais. Todos querem ser o “pai da criança” e vender sete bilhões de doses de vacinas (fala-se em 13 bi) para o mundo todo. Sem dúvida a indústria farmacêutica com a pandemia se transformará no maior poder econômico que existe, maior que os gigantes da internet. Segundo a revista Forbes, da pandemia sairá o primeiro trilionário do planeta. Entenderam?