João Paulo Messer

messer@ndtv.com.br Política, economia, bastidores e tudo que envolve o cotidiano e impacta na vida do cidadão de Criciúma e região.


Amin faz apelo a aliados para convencerem deputada do Sul para ser sua vice

Com ar de pré-candidato, mais do que nunca, o senador Esperidião Amin percorreu o Sul de SC no fim de semana fazendo apelos para ter a deputada federal Geovania de Sá (PSDB) como sua vice.

Não foi apenas no gabinete do prefeito Clésio Salvaro (PSDB), em Criciúma, que o senador Esperidião Amin (PP) fez o apelo a ele e direto à deputada federal Geovania de Sá (PSDB) que a quer de vice na chapa. Ele repetiu isso a todos os que o abordaram, por exemplo, na visita que fez à cidade de Nova Veneza onde prestigiou a Festa da Gastronomia.

Na reunião fechada Amin fez o convite à deputada federal Geovania de Sá pra ser sua candidata a vice-governadora. – Foto: DivulgaçãoNa reunião fechada Amin fez o convite à deputada federal Geovania de Sá pra ser sua candidata a vice-governadora. – Foto: Divulgação

A cada meia dúzia de passos que deu Amin tinha que responder a mesma pergunta, se a pré-candidatura a governador era algo concreto ou apenas uma possibilidade. A resposta foi sempre categórica e acrescida do apelo para que ajudem a convencer a deputada tucana para ser a sua vice na chapa.

A visita à Nova Veneza no Sul de SC com este conteúdo nos bastidores ganha outra repercussão pois na cidade PP e PSDB são os extremos da política. Desde há muito tempo as duas siglas travam mais do que disputas acirradas. São constantes conflitos com “fraturas expostas”.

Apesar de tudo isso Amin ouviu, tanto do prefeito Rogério Frigo (PSDB), que apoia a chapa se ela for viabilizada como ouviu o mesmo do atual presidente da Câmara de Vereadores e ex-prefeito Evandro Gava (PP).

O que não pareceu em nenhum momento uma possibilidade real foi quando a conversa teve a presença da deputada, seja na reunião fechada no gabinete do prefeito de Criciúma como no passeio em Nova Veneza. Estrategicamente a deputada lembrou do seu planejamento que foca a reeleição.

Outro aspecto que chamou a atenção dos que conversaram com Esperidião Amin sobre a candidatura foi a resposta que ele deu em relação a Jorginho Melo. Direto disse “ele não é do meu partido, isso é um problema deles” – foi o que todos repetiram -, deixando a nítida impressão de que a possibilidade de aliança PP e PL não existe.

Loading...