Moacir Pereira

Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Câmara de Vereadores vai decidir o futuro de Florianópolis

Pacote de propostas enviada pela Prefeitura objetiva retomada da economia e corte de privilégios, diz o prefeito Gean Loureiro

A convocação da Câmara Municipal de Florianópolis para um período extra de sessões, feita pelo prefeito Gean Loureiro (DEM), tem relevância histórica e definirá rumos. Tem tudo para definir o que vai ocorrer no próximo decênio e o futuro político do prefeito reeleito recentemente.

Câmara de Vereadores vai decidir o futuro de Florianópolis – Foto: Marco Santiago/Arquivo/NDCâmara de Vereadores vai decidir o futuro de Florianópolis – Foto: Marco Santiago/Arquivo/ND

Os seis projetos tratam de mudanças no Código de Obra, no Plano Diretor, da estrutura da Prefeitura e cortam privilégios na Comcap.

A iniciativa assemelha-se, pelo impacto politico e administrativo, ao pacote que Gean Loureiro lançou no início do primeiro mandato. Ali, ele tirou a prefeitura do cenário deficitário e da inanição e deu um salto de qualidade.

Claro, acrescentou às mudanças a qualidade da equipe e sua reconhecida dedicação ao trabalho, fatores que viabilizaram a reeleição no primeiro turno.

Foram as obras, as inovações, a melhoria dos serviços e a presença constante nos bairros, que garantiram o segundo mandato.

Precisou coragem em 2017 para enfrentar sindicalistas, os esquerdistas e vereadores radicais que partiram para o “tudo ou nada”, apoiados pelo vereador Pedro Silvestre, nas lamentáveis quebradeiras na frente da Câmara.

Pedrão queimou o filme na largada. Se os projetos não tivessem merecido o aval dos vereadores, seria o fim da gestão Loureiro.

As propostas que agora vão para análise da Câmara pretendem incentivar a construção civil, adaptar o Código de Obras e fixar novas normas.

Reeleito em Florianópolis, Gean enviou pacote de propostas para a Câmara de Vereadores – Foto: Anderson Coelho/NDReeleito em Florianópolis, Gean enviou pacote de propostas para a Câmara de Vereadores – Foto: Anderson Coelho/ND

Exemplos citado pelo prefeito: 1. Prédios comerciais não podem ser transformados em residenciais; 2. Os bairros não podem ter padarias e as existentes estão ilegais. Tudo na contramão dos novos tempos.

Projeto mais polêmico envolve a Comcap, a campeã nacional de greves. Trabalhadores em geral e servidores municipais ganham 50% de horas extras. Mas os empregados da Comcap tem direito a 150%.

No geral, os projetos querem incentivar a retomada do crescimento pós pandemia e gerar mais empregos em áreas vitais: inovação, tecnologia, construção civil, turismo e serviços.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.