João Paulo Messer

messer@ndtv.com.br Política, economia, bastidores e tudo que envolve o cotidiano e impacta na vida do cidadão de Criciúma e região.


Cidade de SC precisa construir sede para o Legislativo não ficar ‘desabrigado’

Funcionando em prédio cedido por empresa que está deixando suas operações na região a Câmara Municipal de Tubarão precisa construir sede própria

Em Tubarão, onde a sede do poder Legislativo funciona em um prédio cedido pela Engie do Brasil, que está vendendo suas operações para outro grupo, surge a necessidade de construção de nova sede. O espaço atual já é considerado pequeno, pois existem apenas oito salas disponíveis e nove bancadas compõe o poder.

A sede do Legislativo de Tubarão atualmente é considerada acanhada. – Foto: DivulgaçãoA sede do Legislativo de Tubarão atualmente é considerada acanhada. – Foto: Divulgação

Apesar deste cenário não existe ainda um projeto pronto para a construção de uma nova sede o que deve ocorrer em breve. Normalmente este tipo de decisão sofre com a repercussão popular.

Em Criciúma o assunto sobre construção de uma nova sede se repete nos últimos 20 anos. A cada nova mesa diretora da Câmara – todos os anos há troca de presidente, o discurso de nova sede se repete, mas dana acontece.

Loading...