Deputado de SC que postou foto com ex-marido de Maria da Penha explica post ‘intrigante’

Assessoria de Jessé Lopes (PSL) falou ao ND+ o motivo que levou o parlamentar a fazer a publicação

O deputado estadual Jessé Lopes (PSL) chocou parlamentares, internautas e entidades ao publicar uma foto com Marco Antonio Heredia Viveros, condenado por tentar matar e deixar paraplégica a ex-mulher, Maria da Penha, nesta terça-feira (31). “Sua história é, no mínimo, intrigante,” escreveu Lopes.

Deputado estadual Jessé Lopes e Marco Antonio Heredia Viveros, ex-marido de Maria da Penha, que visitou seu gabinete na Assembleia Legislativa – Foto: Reprodução/NDDeputado estadual Jessé Lopes e Marco Antonio Heredia Viveros, ex-marido de Maria da Penha, que visitou seu gabinete na Assembleia Legislativa – Foto: Reprodução/ND

Nesta quarta-feira (1º), a assessoria do parlamentar informou ao ND+ que o deputado “não foi muito feliz” quando se referiu ao caso como “intrigante”.

Conforme o relato, Marco Antonio apareceu “do nada” no gabinete de Lopes para contar “sua versão” do crime. O intrigante, segundo a assessoria, seria essa procura inesperada com o propósito de falar de um caso que ocorreu há décadas.

O deputado postou um vídeo em sua rede social nesta segunda-feira (1º) em que fala sobre as polêmicas visita e declaração. Confira:

Deputado estadual Jessé Lopes postou encontro com o ex-marido de Maria da Penha, que visitou seu gabinete na Assembleia Legislativa – Foto: Reprodução/NDDeputado estadual Jessé Lopes postou encontro com o ex-marido de Maria da Penha, que visitou seu gabinete na Assembleia Legislativa – Foto: Reprodução/ND

O MPSC (Ministério Público de Santa Catarina) publicou nesta quarta, em sua página oficial, uma foto de Maria da Penha, em um texto que se solidariza pelo enfrentamento à violência doméstica.

“A sua trajetória em busca de justiça durante 19 anos e 6 meses faz dela um símbolo de luta por uma vida livre de violência contra as mulheres e deu nome a Lei 11.340. sancionada em 7 de agosto de 2006.”

O crime ocorreu em 1983, quando o ex-marido de Maria da Penha atirou em suas costas enquanto ela dormia, o que a deixou com lesões irreversíveis.

O agressor foi condenado a 15 anos de prisão em 1991. No entanto, ele recorreu e conseguiu reduzir para pouco mais de 10 anos, cumpridos em liberdade.

A assessoria do deputado reforça que Lopes não concorda com o relato de Marco Antonio, tampouco discorda da Lei Maria da Penha.

Questionada sobre a intenção da publicação, a assessoria informou que a foto teria sido postada sob o princípio da “transparência”, em que o deputado prefere tornar público tudo o que ocorre no gabinete e “lidar com as consequências”.

Reações à postagem

A  vereadora de Criciúma Giovana Mondardo (PCdoB) se manifestou na sessão desta terça-feira (31) sobre a publicação do deputado Jessé Lopes.

“Às vezes eu acho que a gente está vivendo em um surto coletivo, não é possível. Não é possível que um deputado estadual, no dia 31 de agosto, o último dia do Agosto Lilás, que é em alusão ao enfrentamento à violência contra as mulheres e a Lei Maria da Penha poste uma foto com o ex-companheiro dela”, discursou a vereadora.

“Condenado duas vezes por tentar matar sua companheira, ex-marido da Maria da Penha, que hoje é paraplégica, porque levou um tiro quando estava dormindo”, finalizou.

A deputada estadual Luciane Carminatti (PT) publicou uma foto nesta quarta, com Maria da Penha. Ela escreveu “Nós, da Bancada Feminina da Alesc, preferimos estar ao lado de quem combate a violência, não de quem a pratica”.

Em uma sequência de tweets, a deputada lembra que “somente no último ano, nosso Estado perdeu uma mulher a cada semana para a violência de gênero, escancarando o quanto essa violência ainda precisa ser combatida e o quanto não há mais espaço para manifestações irresponsáveis”.

+

Política SC

Loading...