Deputados estaduais aprovam o reajuste para o magistério

Salários vão variar de R$ 1.567 a R$ 2.898 de acordo com o nível e habilitação do profissional

A Assembleia Legislativa aprovou o Projeto de Lei Complementar – PLC 4/2013 que reajusta os salários do magistério da rede estadual de ensino. O projeto é de autoria do poder Executivo e foi aprovado com 23 votos a favor e uma abstenção.

A proposta prevê reajuste entre de 8% a 15% para a categoria no ano de 2013, retroativos ao mês de janeiro. De acordo com o nível e habilitação do profissional, conforme a matéria, os salários vão variar de R$ 1.567 a R$ 2.898. A proposição refere-se a membros ativos e inativos do magistério público estadual em regime de 40 horas semanais.

Divulgação/Alesc

Deputados estaduais durante a votação

Deputados estaduais durante a votação do reajuste do magistério

Os servidores detentores de cargos de provimento efetivo de Analista Técnico em Gestão Educacional, lotados e em exercício nas unidades escolares da Secretaria da Educação, receberão uma gratificação de produtividade.

O benefício será pago em duas parcelas, sendo metade do valor a contar do mês de janeiro deste ano, e a outra metade a contar de setembro.

O projeto agora segue para a sanção do governador.

Com informações da Agência Alesc.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Política SC

Loading...