Eleições 2020: confira quem são os candidatos à Prefeitura de Florianópolis

A Capital tem 357 mil eleitores cadastrados, o segundo maior colegiado de Santa Catarina; veja quem são os candidatos por partido

Uma eleição disputadíssima, com dez candidatos. Este é o cenário que se antevê na disputa eleitoral de 2020 na Capital catarinense. A dois meses do primeiro turno das eleições municipais, marcadas para 15 de novembro, os partidos homologaram suas candidaturas nesta quarta-feira (16).

Segundo maior colegiado de Santa Catarina, Florianópolis tem 357 mil eleitores cadastrados. Eles poderão escolher entre perfis diversificados de candidatos, que envolvem nomes já bem conhecidos e alguns estreantes na política. Veja quem são os candidatos por partido:

DEM (Democratas)

Gean Loureiro tentará a reeleição pelo DEM. O vice será o administrador de empresas Topázio Silveira Neto, do Republicanos. Segundo o prefeito, a escolha do vice deu-se pelo projeto de retomada da economia pós pandemia e o compromisso de geração de empregos.

PSOL (Partido Socialismo e Liberdade)

O PSOL oficializou o nome do professor Elson Pereira para candidato a prefeito em convenção do partido no domingo (6). Ele foi escolhido no mês de agosto pela frente popular, composta por nove organizações políticas (PSOL, PDT, PT, PCdoB, PSB, REDE, UP, PCLP e UCB), para ser o cabeça de chapa da coligação. É a terceira vez que o candidato concorre a este cargo. Na última, em 2016, ficou em terceiro, com 20,6% dos votos. O vice será o arquiteto Lino Peres, do PT.

Novo

O nome de Orlando Silva Neto foi confirmado durante convenção oficial do Novo, na última quinta-feira (3), e o seu vice será o médico Luiz Barboza Neto. O nome do advogado já havia sido aprovado dentro do próprio partido, mas foi lançado oficialmente na última semana.

PSTU (Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado)

O PSTU fará o lançamento da sua chapa oficial no dia 18 de setembro, às 19h. No entanto, já confirmou que os nomes serão de Gabriela Santetti e de Diogo Leal, como vice-prefeito. A homologação foi realizada durante convenção virtual, na última segunda-feira (7). Gabriela é professora de História e mestre em Educação pela UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina).

MDB (Movimento Democrático Brasileiro)

Em contato com a reportagem do nd+, o vereador Celso Sandrini, do MDB, afirmou que o partido não lançará candidato. O parlamentar explicou que até a próxima semana o partido deverá definir qual será o encaminhamento de apoio. A tendência é que haja coligação com outro partido.

Patriota

Durante convenção na última segunda-feira (7), o Patriota definiu o empresário Helio Bairros como seu candidato a prefeito da Capital. O seu vice será Edgar Lopes, agente aposentado da Polícia Federal.

PL (Partido Liberal)

O vereador Pedro de Assis Silvestre, o Pedrão, é o nome escolhido pelo PL para disputar a corrida para prefeito de Florianópolis. O vice será o engenheiro e empresário Eduardo Usuy, de 67 anos, também do PL.

PP (Partido Progressista)

O PP confirmou o nome da deputada federal Angela Amin como candidata. João Batista Nunes (PSDB) será o candidato a vice-prefeito. A decisão foi tomada na noite desta quarta-feira (16), conforme apuração do colunista do Grupo ND, Moacir Pereira.

Solidariedade

O partido Solidariedade oficializou na última segunda-feira (14) a candidatura do médico Ricardo Camargo Vieira à prefeitura de Florianópolis. Dirigente nacional do PV (Partido Verde), o teólogo Guaraci Fagundes será o vice.

PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro)

O PRTB definiu o nome do advogado e líder do movimento “Vem pra Direita Floripa”, Alexander Brasil, de 43 anos, como candidato. A assessoria de imprensa do partido informou que irá divulgar o nome do vice nesta quinta-feira (17).

PSL (Partido Social Liberal)

A reportagem do nd+ tentou contato com os representantes do partido em Santa Catarina na noite desta quarta-feira (16), mas não teve resposta até a publicação desta edição.

+

Eleições 2020