Educação: Veja as propostas dos candidatos a prefeito de Florianópolis

Escolas cívico-militares e gestão por Organizações Sociais estão entre as alternativas dos postulantes à prefeitura para melhorar a educação na Capital

O ND+ visitou as propostas de governo dos dez candidatos à prefeitura de Florianópolis para localizar suas propostas na área de educação. Há sugestões que vão do fortalecimento do ensino público à ideia de gestão das escolas com Organizações Sociais (OS). Dois candidatos pretendem trazer escolas cívico-militares e uma candidata aposta na educação digital.

sala de aula vazia em uma escola Veja as propostas dos candidatos a prefeitos de Florianópolis para a área de Educação – Leonardo Sousa/PMF/Divulgação

O ND+ detalha abaixo o que pensam os candidatos, de acordo com os planos de governo entregues à Justiça Eleitoral e disponíveis na plataforma DivulgaCand.

Para saber o que todos pensam para contornar os desafios na área de educação em Florianópolis, siga a leitura.

Alexander Brasil (PRTB)

Entre suas ideias para educação, estão a implantação de escolas cívico-militares na rede municipal, convocar os aprovados no último concurso para professores efetivos e implantar o ensino à distância para jovens e adultos que não podem frequentar a escola.

Alexander Brasil quer proibir a ideologia de gênero, pautas LGBT e criar definições claras nos banheiros masculinos e femininos nas escolas.

Angela Amin (Progressistas)

O plano da candidata foca na instituição de uma política de educação digital. Inicialmente, a aprendizagem seria presencial e a distância, depois, ubíqua (ou seja, em todos os lugares), tornando-se o padrão de formação do estudante do Século 21.

Angela Amin acredita que a crise acelerou a oportunidade de uma grande revolução no setor educacional, com o uso intensivo de tecnologias digitais.

Dr. Ricardo (Solidariedade)

Pretende governar com sete secretarias, uma delas a de educação. As atividades das escolas municipais teriam contraturno: fora da aula regular, atividades direcionadas na escola.

Também propõe a implantação de um “Sistema de Educação Inteligente” com o uso de tecnologia. Dr. Ricardo quer manter a frota do transporte escolar em boas condições e viabilizar o acesso do transporte a todos os alunos.

Gabriela Santetti (PSTU)

Nos planos dela está a recontratação dos trabalhadores da educação, demitidos de forma direta pelo município e dos professores não concursados, ACT’s.

Também defende uma educação pública de qualidade, com mais investimento e valorização dos trabalhadores da área.

Outra proposta de Gabriela Santetti é dedicar 30% do orçamento para a manutenção e desenvolvimento da educação e 6% para a educação inclusiva em Florianópolis.

Gean (DEM)

O candidato à reeleição quer ampliar programas educacionais, de inclusão, profissionalizantes, vocacionais e o acesso à educação integral. Pretende aperfeiçoar a política de valorização de professores e carreiras da educação.

Gean quer aprimorar o uso das ferramentas tecnológicas disponíveis entre professores e alunos e democratizar o acesso à pesquisa e ao conhecimento por meio de ambientes virtuais de aprendizagem.

Helio Bairros (Patriota)

Um modelo de educação que prepare o indivíduo para o amplo exercício da cidadania é o que defende o candidato. O Patriota busca a implementação do modelo cívico-militar nas escolas.

O candidato detalha algumas ideias, como a proteção e valorização de professores, melhorias na estrutura das escolas e na acessibilidade.

A proteção das escolas também é uma preocupação de Helio Bairros e está detalhada com ações no ambiente interno e externo.

Jair Fernandes (PCO)

É contrário ao Ensino a Distância (EAD) em todos os níveis. Apoia o cancelamento do ano letivo e a volta as aulas só com o fim da pandemia e com vacina. Almeja a estatização do ensino em todos os níveis e o fim do ensino pago.

Por outro lado, Jair Fernandes apoia a isenção na cobrança das mensalidades enquanto não houver vacina contra a Covid-19 e as aulas estiverem paralisadas.

Orlando Silva (Novo)

Ele defende a readequação das atribuições da Secretaria de Educação para transformá-la em agente fiscalizadora da qualidade de ensino.

Outro objetivo de Orlando é a implementação do modelo de escolas conveniadas (Charter Schools), passando a gestão escolar para uma Organização Social (OS).

Na proposta de Orlando, inicialmente, o modelo seria nas escolas com os cinco piores IDEBs (Índice de Desenvolvimento de Educação Básica) da Capital.

Pedrão (PL)

Ampliar o número de vagas para Educação Infantil (creches e pré-escola) por meio de parcerias com organizações da sociedade civil e o sistema de educação privado é uma das propostas.

Pedrão que criar a “Sala de Situação em Educação”, para acompanhar, em tempo real, a demanda por vagas na rede municipal, número de profissionais, alunos matriculados e outras informações relevantes para o monitoramento das políticas educacionais.

Professor Elson (PSOL)

O candidato quer implantar a educação integral nas escolas do Ensino Fundamental de maneira gradual e consolidar os Conselhos de Escolas em todas as unidades da rede.

Ele também defende o fortalecimento da Política de Educação de Jovens e Adultos (EJA) e o Conselho Municipal de Educação.

Elson defende a promoção de iniciativas nas escolas municipais que eduquem para a convivência com as diferenças a fim de prevenir crimes de ódio contra minorias.

O cenário da Educação na Capital

A rede municipal de educação em Florianópolis obteve reconhecimento histórico há não muito tempo. Em 2012, a cidade alcançou média seis no Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), marca de países do primeiro mundo, como França e Alemanha.

A Covid-19, no entanto, tirou todas as crianças do ensino presencial em 18 de março, início do ano letivo e a volta às aulas ocorre, nesta semana, de forma gradual, em Santa Catarina.

De acordo com os dados disponíveis no site da Secretaria de Educação, a Capital possui 38 Escolas de Educação Básica e conta com 85 Núcleos de Educação Infantil.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...