Karina Manarin

Com foco em notícias de política, o blog traz todos os dias também as informações do cotidiano e que interferem diretamente na vida das pessoas de todo o Sul Catarinense.


Frente de partidos de esquerda afirma união para derrotar o “fascismo” em Santa Catarina

Presidentes do PT e do PDT emitiram nota sobre a União dos partidos de esquerda para derrotar o "fascismo" em Santa Catarina

Os presidentes do PT e do PDT em Santa Catarina, Décio Lima e Manoel Dias, assinaram nota conjunta nesta quarta-feira reafirmando os esforços para a formação da “Frente Democrática”, ou seja, a união dos partidos de esquerda no estado. O mote principal, diz a nota, é a “luta contra o fascismo”. O texto deixa implícito também que o principal objetivo da União é a derrota do atual Governo, do presidente Bolsonaro, classificado de “governo que nega a vida e defende o autoritarismo”. Com isso, a Frente também objetiva impor derrota ao pré-candidato ao governo Jorginho Mello, que defende a bandeira Bolsonarista no estado.

Décio Lima e Manoel Dias assinaram nota conjunta nesta quarta-feira – Foto: Divulgação/NDDécio Lima e Manoel Dias assinaram nota conjunta nesta quarta-feira – Foto: Divulgação/ND

O texto também enfatiza que ” candidaturas nacionais possam trazer quaisquer interrupções nesta aliança, que começou com a clareza histórica dos nossos papéis”.

CONFIRA A NOTA NA INTEGRA:

O PT e o PDT iniciaram uma trajetória, ao longo de dois anos, em um esforço coletivo e permanente na luta contra o fascismo, que culminou na união dos partidos em Santa Catarina de uma forma muito determinada.

Abrimos mão, desde o começo, do luxo de suas eventuais diferenças e, também, dos processos em curso a nível nacional e dos quais, em Santa Catarina, não temos governabilidade. Os partidos tomaram a decisão, desde o primeiro momento, de garantir que o povo catarinense tenha uma Frente coesa e firme, com um projeto de governo que toque, pela primeira vez, nas feridas da nossa gente. Não vamos permitir, inclusive, que as candidaturas nacionais possam trazer quaisquer interrupções nesta aliança, que começou com a clareza histórica dos nossos papéis.

O PT e o PDT de Santa Catarina sabem da complexidade nacional. Entretanto, sabem mais ainda da importância que os nossos partidos representam para o Brasil com a nossa unificação na construção da Frente Democrática.

Estamos convencidos de que a Frente Democrática irá para o segundo turno e ganhará as eleições no nosso Estado e derrotará definitivamente a pauta do atual governo, que nega a vida, defende o autoritarismo e despreza as grandes conquistas obtidas, historicamente, pelos nossos partidos.

O PT e o PDT assim se manifestam apertando as mãos e se abraçando na mesma grandeza da expressão do povo catarinense, na certeza da construção desta aliança, que se transformou, inclusive, em um paradigma exemplar para as nossas agremiações no Brasil.

Estamos firmes e coesos na construção da Frente Democrática e vamos fazer todo este esforço porque o povo de Santa Catarina merece, principalmente, aqueles catarinenses que mais estão na vulnerabilidade e mais necessitam da presença de um Estado forte.

Décio LimaPresidente do PT/SC

Manoel DiasPresidente do PDT/SC

Participe do grupo e receba as principais notícias
das Eleições 2022 na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...