Cacau Menezes

Apaixonado pela sua cidade, por Santa Catarina, pelo seu país e pela sua profissão. São 45 anos, sete dias por semana, 24 horas por dia dedicados ao jornalismo


Governador inocentado de volta ao trono

E o chefe de gabinete do presidente da ALESC vai para a Casa Civil do governo

Carlos Moisés – Foto: Mauricio Vieira/Secom/Divulgação/NDCarlos Moisés – Foto: Mauricio Vieira/Secom/Divulgação/ND

O grande  pecado de Carlos Moisés foi não ter se aproximado dos parlamentares da nossa  assembleia legislativa .
O presidente Bolsonaro , no início de seu governo, também tentou ignorar o congresso, só que, com muito mais experiência do que Carlos Moisés, cedo percebeu  que não poderia governar se não estivesse de bem com o congresso.
É que tanto Moisés como Bolsonaro vieram com uma proposta de combate à corrupção , o que não combina com alianças com órgãos muito mal vistos  pelo povo,  a assembleia e o congresso .
Portanto , ficam aqui dois conselhos ; um ao governador recém reconduzido ao cargo : que se cerque de bons juristas para não dar margem a nenhum deslize que lhe possa trazer  dor de cabeça ; o outro para a classe do poder legislativo :para que procure fazer um bom trabalho, sério e honesto de forma que governantes bem intencionados olhem com bons olhos os parlamentares  ao invés de tentar fugir deles.