Altair Magagnin

altair.magagnin@ndmais.com.br Não é só sobre política. É sobre o impacto das decisões públicas na tua vida. Jornalista profissional com experiência multimídia, acompanha os bastidores do poder e traz análises e notícias exclusivas. Siga @altamagagnin nas redes.


‘Tô procurando casa e ainda não encontrei’, diz governador de Santa Catarina

Carlos Moisés concedeu entrevista logo após o lançamento do movimento "Rodovias Federais - SC não pode parar", da Fiesc e do Grupo ND

Veja o que disse o governador Carlos Moisés (sem partido) sobre a definição de uma nova sigla para disputar as eleições de 2022.

Governador Carlos Moisés assina abaixo-assinado digital de apoio à campanha – Foto: Peterson Paul/Divulgação/NDGovernador Carlos Moisés assina abaixo-assinado digital de apoio à campanha – Foto: Peterson Paul/Divulgação/ND

“Nós vamos manter a data de definição para o ano que vem. Mas, estamos construindo bons diálogos. A gente precisa dialogar e sentir segurança. O governador Moisés, como ele não é um sujeito que veio da política, ele precisa de uma casa. O PSL serviu naquele momento, mas a gente percebe que faltava essa intimidade para dizer ‘esse partido aqui em Santa Catarina é do time do governador Moisés’. Eu tô procurando essa casa e ainda não encontrei, mas tem bons namoros. Eu acho que vai dar certo.”

Durante o evento “Rodovias Federais – SC não pode parar”, da Fiesc e do Grupo ND, Moisés anunciou o repasse de R$ 50 milhões para a construção de terceiras faixas em determinados trechos da BR-282.

O movimento em defesa das rodovias federais teve forte participação política. Os discursos foram marcados por mea-culpas e cobranças mútuas das autoridades presentes.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...