Aliado de Doria envolvido na CPI da Merenda vai a evento de Bolsonaro

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) – Ligado à campanha do tucano João Doria ao governo de São Paulo, o deputado estadual Fernando Capez (PSDB) circulou pelo evento que reunirá Jair Bolsonaro e a bancada eleita de seu partido, o PSL, num hotel na Barra da Tijuca.

Num momento em que o ex-prefeito de São Paulo prega abertamente o voto Bolsodoria, Capez conversou com o presidente do PSL, Gustavo Bebianno, e a deputada eleita Joyce Hasselmann.

Doria tenta se colar ao presidenciável, mas suas pretensões esbarram no senador eleito Major Olímpio (PSL), que não admite apoio ao PSDB.

Aliado de primeira hora do captai reformado, Olímpio gravou um vídeo ainda no primeiro turno em que mostra Doria recusa o respaldo de Bolsonaro, dizendo que não acreditava em “extremismos”. Era o começo da campanha.

Um dos interlocutores de Doria, Capez teve seu nome envolvido na CPI da Merenda apurou fraudes na merenda escolar quando ele presidia a Assembleia Legislativa paulista. Foi embora antes de Bolsonaro chegar e disse que veio por conta própria. Doria pretende visitar o capitão reformado nesta sexta (12).

+

Política

Loading...