Bruno Covas, prefeito de SP, volta a ser internado para tratar câncer

Primeira sessão da nova etapa do tratamento deve durar 30 horas. Prefeito está internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo

Em tratamento contra um câncer no estômago, descoberto em outubro de 2019, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), voltou a ser internado nesta terça-feira (7) no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista.

Durante a internação, Bruno Covas está liberado para exercer funções administrativas da prefeitura – Foto: Leon Rodrigues/Divulgação/ND

Covas está realizando mais uma sessão de quimioterapia para combater o avanço de tumores malignos descobertos na cardia, área que fica entre o esôfago e o estômago.

A doença já havia causado metástase para o fígado e para linfonodos da região abdominal.

Esta já é a sexta sessão de quimioterapia que o prefeito é submetido e deve durar cerca de 30 horas, segundo informações do boletim médico divulgado pelo hospital. Neste ciclo do tratamento devem ser realizadas mais duas sessões.

Especialista disse que houve melhora no tumor encontrado no fígado

Em dezembro, o médico Tulio Pfiffer, que acompanha o tratamento do prefeito, informou que o tumor do fígado havia “reduzido expressivamente” após o primeiro ciclo.

Durante a internação, Bruno Covas está liberado para exercer funções administrativas da prefeitura. A previsão de alta depende da avaliação da equipe médica após o tratamento.

Leia também:

 

+

Política