Paulo Alceu

pauloalceu@ndtv.com.br Análises qualificadas e comentários assertivos acerca dos assuntos mais relevantes para os catarinenses.


CPI dos Respiradores vai começar pelo Hospital de Campanha

Caso do hospital saiu de cena depois de denunciado o preço exorbitante para sua instalação: R$ 78 milhões

Os integrantes da CPI que investiga as compras de respiradores pelo governo do Estado se reunirão para estabelecer o plano de trabalho nesta terça-feira (12).

O relator da comissão, deputado Ivan Naatz, pretende ouvir, inicialmente, pessoas envolvidas na instalação do Hospital de Campanha em Itajaí, que, por sinal, saiu de cena depois de denunciado o preço exorbitante para sua instalação: R$ 78 milhões.

Ha indícios de ligação de agentes públicos, tanto no caso do Hospital de Campanha quanto na compra dos respiradores. No caso dos respiradores, encontraram R$ 300 mil dos R$ 33 milhões pagos adiantados na casa de um vereador do DEM em São João do Meriti (RJ).

A Operação O2 está localizando uma quadrilha incluindo agentes públicos e privados, além de políticos corruptos. Ivan Naatz contará com a participação de um delegado da Polícia Civil , um escrivão e um investigador durante dos trabalhos da CPI.

Loading...