Altair Magagnin

altair.magagnin@ndmais.com.br Não é só sobre política. É sobre o impacto das decisões públicas na tua vida. Jornalista profissional com experiência multimídia, acompanha os bastidores do poder e traz análises e notícias exclusivas. Siga @altamagagnin nas redes.


Deputados estaduais catarinenses aprovam aumento no próprio salário a partir de 2019

No efeito cascata do reajuste salarial do Supremo, vencimento dos parlamentares passará de R$ 25,3 mil para R$ 29,4 mil

O efeito cascata do aumento salarial concedido aos ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) já está garantido para os deputados estaduais catarinenses. A redação final do projeto de lei 0301.0/2018 foi aprovada nesta terça-feira (11) pelos próprios parlamentares. A proposta fixa o salário dos deputados estaduais em 75% do que é pago aos federais. A expectativa é que a Câmara dos Deputados também reajuste os vencimentos.

Aumento no salário dos deputados estaduais de SC impacta mais de R$ 2 milhões por ano

Além de aumento salarial, deputados estaduais têm cotas e auxílios; conheça os benefícios

Projeto de aumento salarial nasceu e foi aprovado em uma semana; veja os deputados autores

Contrapartida para aumento no Supremo, deputados de SC não discutem fim do auxílio-moradia

Redação final do projeto foi aprovada nesta terça-feira (11) - Eduardo Guedes/Agência AL/ND
Redação final do projeto foi aprovada nesta terça-feira (11) – Eduardo Guedes/Agência AL/ND

Hoje, um deputado federal ganha o mesmo que um ministro do Supremo. Com o aumento, os salários mensais passarão de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil. Em consequência, os deputados estaduais de Santa Catarina passarão de R$ 25,3 mil para R$ 29,4 mil.

A votação, com efeitos a partir de 1º de fevereiro de 2019, serviu apenas para dar legalidade à questão, pois, hoje, um deputado estadual já recebe 75% do salário de um federal. O assunto tramitou na surdina, sem amplo debate, com benefício financeiro isolado, em detrimento do coletivo. No apagar das luzes de mais uma legislatura, os parlamentares catarinenses protagonizaram um novo golpe às pretensões do eleitor, que deseja novas práticas políticas.

Publicada 11/12/2018 – às 19h35

Loading...