Governo do Estado anuncia R$ 2,14 bilhões em investimentos por meio do Pacto por Santa Catarina

Aplicativo que permite acompanhar andamento das obras também foi lançado

Obras que serão concluídas neste ano foram apresentadas nessa quarta-feira pelo governo do Estado. De acordo com o secretário de Estado do Planejamento, Murilo Flores, serão investidos R$ 2,14 bilhões, por meio do programa Pacto por Santa Catarina. As melhorias estão distribuídas pelos setores da Saúde, Educação, Segurança, Defesa Civil e Infraestrutura.

Clique na imagem para ampliar (.jpg 540 KB)

Na Capital, a intenção é concluir a ampliação do Cepon (Centro de Pesquisas Oncológicas), que contará com unidade para transplante de medula. Outra prioridade é para a obra de reforma da ponte Hercílio Luz. Uma reunião hoje no BNDES discutirá alinhamentos sobre esses serviços.

Flores lembrou que o Pacto por Santa Catarina não focou em um único setor, mas em diversos, para resolver problemas de infraestrutura e gargalos graves em todo o Estado. Ele disse ainda que as obras serão possíveis em função da captação de recursos, além de sobras de serviços atrasados ou não viabilizados.

Além de oferecer melhor qualidade no serviço, obras também geram economia ao Estado. É o caso da inauguração do complexo da Segurança Pública, no Estreito. A partir dele, serão poupados R$ 10 milhões com aluguel.

Um dispositivo que permite acompanhar obras públicas catarinenses e denunciar irregularidades também foi disponibilizado pelo governo do Estado. O aplicativo para dispositivos móveis foi lançado pela Secretaria de Planejamento durante anúncio do investimento de R$ 2,14 bilhões, por meio do Pacto por Santa Catarina, em 2016.

As ferramentas foram disponibilizadas na tentativa de dar mais transparência aos trabalhos executados pelo Executivo. “O clima no Brasil é muito ruim. A população está cansada dos governos, da classe política. Isto precisa mudar. Primeiro permitimos que as pessoas soubessem do andamento das obras e agora abrimos para que elas dialoguem conosco, denunciem, mandem fotos. Precisamos dessa parceria”, enfatizou Flores.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Política

Loading...