No Rio, simpatizantes de Bolsonaro comemoram com músicas militares e hostilizando PT, Lula e Globo

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) – A portaria do condomínio do candidato Jair Bolsonaro (PSL), no Rio, foi palco de uma festa ao som de marchas militares, reagge e forró em homenagem ao deputado, que quase venceu no primeiro turno.

Pelo menos cerca de 500 apoiadores se concentraram em frente a casa do presidenciável do PSL na noite de domingo (7) para esperar o resultado da apuração.

Eles fecharam a avenida Lúcio Costa várias vezes e fizeram um foguetório.  A multidão aumentava à medida que a contagem de votos avançava. “Esse é um dia histórico. Fiz questão de trazer o meu filho para presenciar isso”, disse o empresário Sávio Marques, 53, vestido de verde e amarelo e com a bandeira do Brasil. 

“Vencemos o comunismo. A nossa bandeira jamais será vermelha”, acrescentou o empresário, que mora num condomínio vizinho ao do candidato.

Bolsonaro mora na avenida da praia da Barra da Tijuca, uma das áreas mais nobre do Rio. Enquanto aguardavam o resultado, eles cantavam músicas hostilizando Lula, o PT e também a TV Globo. 

Uma equipe de reportagem da emissora foi expulsa pelos eleitores de Bolsonaro logo no início da festa.

Eles cercaram os profissionais e gritavam repetidamente “fora”. Depois de cinco minutos escutando os apoiadores do candidato, os funcionários da Globo deixaram o local. A saída deles foi comemorada pelos simpatizantes de Bolsonaro. 

Os eleitores também gritavam “mito” e o nome do candidato do PSL. 

Policiais militares do Batalhão de Choque foram chamados para reforçar a segurança. Os simpatizantes do presidenciável acreditavam que ele deixaria o condomínio para participar de uma entrevista coletiva num hotel nos arredores. 

A festa começou a desanimar  por volta das 21h quando a chance de Bolsonaro vencer no primeiro turno diminuía a cada nova parcial.

A mudança da trilha sonora também começou a desanimar os simpatizantes. A caixa de som tocava músicas militares. “Eles já estão abusando com essas músicas de desfile. 0 importante é que o Bolsonaro quase chegou lá e vai vencer com facilidade os petralhas”, disse a administradora Maria Machado, 34, vestida com uma camisa da seleção. 

+

Política

Loading...