Altair Magagnin

altair.magagnin@ndmais.com.br Não é só sobre política. É sobre o impacto das decisões públicas na tua vida. Jornalista profissional com experiência multimídia, acompanha os bastidores do poder e traz análises e notícias exclusivas. Siga @altamagagnin nas redes.


Pacto por Elas é exemplo de importância da tão difícil união harmônica entre os poderes

A união harmônica entre os poderes – que tanto está faltando na discussão do duodécimo, por exemplo – foi experimentada nesta terça-feira (9), durante o lançamento do Pacto por Elas, que prevê o alinhamento dos trabalhos institucionais pelo fim da violência doméstica.

O documento foi assinado por representantes do Executivo, Legislativo e Judiciário, pelos órgãos Ministério Público e Tribunal de Contas, e pelas entidades Acaert (rádio e televisão), ADI e Adjori (jornais do interior) e Fiesc (indústria), entre outras instituições.

Conforme a coordenadora da Frente Parlamentar de Combate à Violência Doméstica, também lançada ontem, a deputada Ada de Luca, as diferentes instituições se comprometem a unir os esforços para diminuir os índices da violência doméstica em Santa Catarina.

Fernando Comin, do MP, Julio Garcia, da AL, e Adircélio Ferreira Júnior, do TCE – Fábio Queiroz/Agência AL/NDFernando Comin, do MP, Julio Garcia, da AL, e Adircélio Ferreira Júnior, do TCE – Fábio Queiroz/Agência AL/ND
Loading...