Prefeito destaca papel da militância na campanha eleitoral

Na indicação do prefeito Carlito Merss durante a reunião dos delegados municipais do PT no sábado, na Mitra Diocesana, os filiados sabem que terão um papel fundamental na campanha. Terão que levar a conhecimento público aquilo que a Prefeitura de Joinville realizou nos últimos três anos, e, principalmente lembrar das dificuldades enfrentadas no primeiro ano de governo. Foi um apelo direto de Carlito, que estará atento àqueles que realmente querem a sua reeleição.

Mesma medida
Isto vale também para a ala da esquerda marxista, que apesar de não ter conseguido indicar o vereador Adilson Mariano para candidato do PT a prefeito, prometeu dar apoio a Carlito Merss durante a campanha. O PT tem a tendência de se unir nos momentos mais complicados.

Direto
Para que possa desenvolver o trabalho esperado na campanha, Carlito tem esperanças de que o governo federal entre com o apoio necessário com recursos para obras e o anúncio de novos projetos. Este foi o motivo que levou prefeito e a ministra Ideli Salvatti a conversarem por vários momentos ao pé do ouvido. Na quarta-feira, Carlito que Ideli ao lado em Brasília para pedir recursos para a reforma da Arena.

Pedido
O ex-presidente da Conurb, Francisco de Assis, fez um pedido especial ao presidente estadual do PT, José Fritsch, durante a reunião dos delegados do PT, no sábado. Quer apoio de Fritsch Na campanha para prefeito em Imaruí, sul do Estado, e terra de Assis. Não para o ex-presidente da Conurb que disputará a eleição de vereador em Joinville, mas para um jovem petista que começa a despontar nas pesquisas daquele município.

OAB nas escolas
Com o apoio da Diretoria e da Coordenadoria Geral de Comissões da OAB Joinville, nos dias 17, 18 e 19 de abril a
Comissão “OAB Vai à Escola” da subseção joinvilense da Ordem promoverá um ciclo de palestras para os estudantes do Colégio Celso Ramos. Dia 17 será com o advogado Salustiano Luiz de Souza; no dia 18 com a advogada Franciane Benta, o estagiário Fábio Roberto Steuernagel e o advogado Marcos Aurélio Rosa. No dia 19, com o advogado Haymon Willemann.

Importância
O projeto OAB Vai à Escola visa levar noções de direito e cidadania para alunos do ensino médio. A Comissão já dispõe de
cartilha, elaborada em linguagem acessível ao adolescente, as quais são distribuídas gratuitamente a todos os participantes. O projeto OAB Vai à Escola, que existe graças ao trabalho abnegado e voluntário dos membros da Comissão, é mais uma contribuição da Ordem para a busca do aperfeiçoamento democrático.

Acesso
“Não basta a existência da Constituição e das leis de cunho social. É preciso que sejam conhecidas e acionadas, para sua necessária efetivação”.
Miguel Teixeira Filho, presidente da OAB de Joinville.

Barreira
O projeto que possibilita a doação do imóvel da antiga Prefeitura de Joinville para a Amae (Agência Municipal de Água e Esgoto) terá parecer contrário na comissão de Urbanismo da Câmara de Vereadores. O vereador Alodir Cristo (DEM), antecipou que não aceita doação de algo público para uma empresa que considera privada. Nem mesmo a emenda do vereador Lauro Kalfels (PSDB), que dividiria o imóvel entre Amae e Vigilância Sanitária, convenceu o relator.

Regionais
Outro projeto que também não passará na Câmara de Vereadores de Joinville é o que extingue as 13 secretarias regionais e as transforma em cinco gerências. A maioria dos integrantes da comissão de Justiça, incluindo a vereadora e presidente Tânia Eberhardt (PMDB) é contra a proposta do Executivo.

Televisão
Os pré-candidatos a prefeito de Joinville já sabem que a eleição poderá ser decidida com os programas eleitorais gratuitos de televisão. Tanto que a maioria já contratou empresas que farão os programas e iniciaram na semana passada as filmagens das reuniões partidárias nos bairros. É o caso do PMDB do empresário Udo Döhler que trabalha com a mesma empresa que reelegeu Luiz Henrique da Silveira ao governo estadual.