Será que a secretária de Estado da Segurança virá a Joinville?

Comissão Popular convida Ada de Luca para vir a Joinville

Ada vem aí

O presidente da Comissão de Participação Popular e de Cidadania da Câmara de Vereadores de Joinville, Maycon César, convidou a secretária de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina, Ada de Luca, a participar de uma reunião na quinta-feira da semana que vem, na Câmara. Segundo o vereador, a secretária aceitou o convite. Ele espera que no encontro Ada preste esclarecimentos e responda a dúvidas acerca dos quase cem atentados que Santa Catarina sofreu, e que atingiram Joinville e municípios da região Norte. Pelo menos até o fechamento desta edição, a secretária permanecia no cargo. 

Respeito e civismo

O secretário municipal de Educação, Roque Mattei, informa que o retorno às aulas na próxima segunda-feira (18) será marcado pelo civismo. O objetivo é incentivar os mais de 65 mil estudantes da rede municipal a terem um relacionamento de respeito e de amor ao município de Joinville, ao Estado de Santa Catarina e ao Brasil.

Hinos

Uma das formas de incentivar esse respeito é pela execução dos hinos Nacional, estadual e municipal. Para muitos, cerimônias deste tipo lembram o tempo da ditadura militar, mas o secretário Roque Mattei quer justamente que este estigma seja rompido. Ele ressalta que imposições da ditadura não têm nada a ver com o respeito à Pátria. Um bom cidadão precisa conhecer e respeitar os símbolos de sua Pátria. E o hasteamento da Bandeira Nacional com o Hino Nacional é um momento muito bonito de civismo. A atividade também deve ser adotada na rede estadual de ensino.

Reconhecimento

Dentro das atividades de civismo programadas, personalidades serão convidadas a irem às escolas para comentar sobre suas experiências políticas e sociais. Um dos nomes mais citados é do ex-prefeito Nilson Bender,   que tem entre suas principais realizações a criação da Amunesc (Associação dos Municípios do Nordeste de Santa Catarina) e do complexo turístico da Expoville.

 

Integração

“É fundamental que o civismo seja retomado em Joinville. Vamos integrar as redes municipal e estadual neste projeto.”

Roque Mattei, secretário municipal de Educação

 

Retorno

Com o retorno das aulas das redes municipal e estadual, será que a Prefeitura de Joinville, por meio do Ittran (Instituto de Trânsito e Transporte de Joinville), já tem algum plano especial para evitar o engarrafamento nos horários de pico?

Visita e recursos

O deputado estadual Antônio Aguiar (PMDB) esteve em Joinville, onde visitou o secretário de Saúde, Armando Pereira; o presidente da Fundamas, Gilberto Leal; e o prefeito Udo Döhler. Aguiar trouxe boas notícias ao anunciar que conseguiu R$ 600 mil para Joinville em recursos para serem aplicados na área da Saúde e no incentivo a programas profissionalizantes.  

 

Respeito

 Após o desfile de Carnaval, o prefeito Udo Döhler fez questão de cumprimentar os garis que fizeram a limpeza da avenida Beira-Rio. Um bom exemplo de quem valoriza a mão de obra mais simples e necessária para a limpeza do local. Aliás, o prefeito foi visto em vários momentos do desfile circulando entre a população, trocando impressões e cumprimentando os foliões.

Pedido

Um grupo de comerciantes da rua Visconde de Taunay, a conhecida Via Gastronômica, pensa em reivindicar à Prefeitura de Joinville que retome o sentido de duas mãos de uma parte daquela via. A administração municipal anterior tornou parte desta via mão única, o que não agradou a comerciantes e, principalmente, aos frequentadores daquela faixa que concentra restaurantes e bares.

 

Transporte metropolitano

A Prefeitura de Araquari estuda a possibilidade de assumir o subsídio da passagem do deslocamento do Centro do município até o ponto que será construído perto do Clube Daroká. Uma forma de viabilizar o transporte metropolitano com Joinville. O custo mensal poderá chegar a R$ 30 mil. Só que a proposta de subsídio terá que passar pela Câmara de Vereadores de Araquari.

QUem será?

Depois da vitória de Udo Döhler para a Prefeitura de Joinville, o PMDB agora tem um plano mais ousado: eleger um deputado estadual. Na lista, aparecem nomes como do secretário municipal de Infraestrutura, Romualdo França, e, agora, da secretária de Desenvolvimento Regional, Simone Schramm.

Novidades

O PMDB também busca um possível candidato a deputado estadual do meio de comunicação. A ideia é conseguir lançar no máximo dois candidatos a deputado estadual, para não dividir votos na região. Assim, haverá uma concentração para que finalmente o partido tenha um representante na Assembleia Legislativa.

Comentários

Diante da situação do governo estadual (leia-se governador Raimundo Colombo), cresceram os rumores de que o senador Luiz Henrique da Silveira poderá voltar à cena política em 2014. Um possível desgaste de Colombo em função dos colapsos nas áreas de educação e saúde, e agora os ataques mostrando a força do crime organizado, poderá forçar LHS a se candidatar a governador, embora ele negue que pense em retornar à Casa D’Agronômica.

Aguarda

A presidente da Ajorpeme, Christiane Schramm Guisso, aguarda confirmação da audiência com o secretário da Fazenda, Antônio Marcos Gavazzoni, para solicitar a revogação do decreto estadual nº 1357, editado em 29/1/2013, com vigência até 1/2/2013. A questão da cobrança do diferencial de alíquota para empresas optantes pelo Simples Nacional é objeto do recurso extraordinário nº 632783, que teve reconhecimento de repercussão geral da questão constitucional suscitada. Sendo assim, o Estado, por prudência, deveria aguardar o julgamento pelo STF, sob pena de ter que devolver os valores cobrados caso seja reconhecida a ilegalidade da cobrança.

Gastronomia

As inscrições para o processo seletivo do curso de gastronomia da Univille, no período vespertino, foi prorrogado até 15 de fevereiro. O ingresso é pelo histórico escolar e há bolsas de estudos disponíveis. A gastronomia é um dos setores com forte expansão no País, alavancado pelo crescimento econômico. Em 2011, o Ministério do Trabalho estimava a existência de 6 milhões de vagas no mercado de gastronomia no Brasil.

Crescimento

A expectativa é um crescimento contínuo anual de 5% dos segmentos de alimentos e bebidas, por conta da ampliação na economia e da realização de megaeventos de incremento ao turismo como a Copa do mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.O campo de atuação no ramo é amplo, que vai de restaurantes a navios e hotéis até a indústria alimentícia, além de consultorias.

Loading...