Após quadro de bacteremia, Lula recebe alta de hospital

Em janeiro, o ex-presidente havia informado que contraiu Covid-19 em Cuba, onde participou de um documentário sobre a América Latina

Depois de três dias internado, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de 75 anos, recebeu alta nesta terça-feira (9) do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo (SP). Ele estava com um quadro de bacteremia – uma espécie de infecção na corrente sanguínea causada por bactérias.

Ex-presidente Lula O ex-presidente estava com uma espécie de infecção na corrente sanguínea causada por bactérias – Foto: Divulgacão/Paulo Alceu/ND

A informação foi confirmada pelo perfil oficial do petista no Twitter e pelo hospital. Segundo boletim médico divulgado nesta terça, Lula foi medicado com antibióticos por via venosa e encontra-se “clinicamente estável”.

“Ele foi acompanhado pelas equipes médicas coordenadas pelo Prof. Dr. David Uip e pelo Prof. Dr. Roberto Kalil Filho”, afirmou o boletim médico.

Em janeiro, o ex-presidente havia informado que contraiu Covid-19 ao viajar para Cuba, em dezembro, onde participou de um documentário sobre a América Latina dirigido pelo cineasta americano Oliver Stone. Ele cumpriu a quarentena e foi tratado no país.

De acordo com o seu perfil no Twitter, o ex-presidente não precisou ser internado, mas sua tomografia detectou lesões pulmonares compatíveis com broncopneumonia associada ao coronavírus.

+

Saúde