Atendimentos de pessoas com sintomas gripais disparam em Chapecó

Em uma semana a Unidade de Pronto Atendimento registrou 3.493 atendimentos de pessoas com sintomas respiratórios

A procura por atendimento de pessoas com sintomas gripais/respiratórios aumentou após as festas de fim de ano em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. A UPA 24h (Unidade de Pronto Atendimento) tem sido o principal local de procura para atendimento no município e a superlotação é visível.

filas na upaUPA 24h teve aumento no número de casos de pessoas com sintomas gripais. – Foto: Caroline Figueiredo/ND

Segundo dados da Prefeitura de Chapecó, desde o dia 27 de dezembro de 2021 até o dia 2 de janeiro de janeiro de 2022 foram realizados 3.493 atendimentos de pessoas com sintomas respiratórios como tosse, dor de garganta, coriza, febre e dores no corpo. Os números são referentes apenas à UPA 24h.

Veja os atendimentos da UPA 24h:

  • Dia 27/12 (segunda-feira): 559 atendimentos;
  • Dia 28/12 (terça-feira): 577 atendimentos;
  • Dia 29/12 (quarta-feira): 578 atendimentos;
  • Dia 30/12 (quinta-feira): 516 atendimentos;
  • Dia 31/12 (sexta-feira): 344 atendimentos;
  • Dia 1º/01 (sábado): 438 atendimentos;
  • Dia 02/01 (domingo): 481 atendimentos;

Além da UPA 24h, também está sendo realizado atendimento nas unidades básicas de saúde dos bairros, no Pronto Atendimento do bairro Efapi, além do ambulatório da Covid-19.

O HRO (Hospital Regional do Oeste) continua com atendimentos apenas de urgência e emergência e não foi repassada a informação sobre consultas de pacientes com sintomas respiratórios.

Os números de atendimentos no Hospital da Unimed também não foram repassados até às 14h30, mas pessoas que estiveram no local relataram que somente durante as primeiras horas da manhã desta segunda-feira (3) mais de 50 pessoas já haviam sido atendidas.

UPA 24h teve aumento no número de casos de pessoas com sintomas gripais. – Foto: Caroline Figueiredo/NDUPA 24h teve aumento no número de casos de pessoas com sintomas gripais. – Foto: Caroline Figueiredo/ND

Situação da Covid-19

Com relação a Covid-19, o município está com 109 casos ativos e 147 casos suspeitos, de acordo com os dados do Boletim Epidemiológico desta segunda-feira (3).

No dia 27 de dezembro o número era de 51 casos ativos e 36 suspeitos. O aumento foi de 113% em casos ativos e 308% de casos suspeitos em uma semana. O número de mortes é de 794.

O total de chapecoenses hospitalizados em decorrência do vírus é de 9 pessoas, sendo sete na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do HRO e um na enfermaria. No Hospital da Unimed apenas uma pessoa está internada na enfermaria.

Entre moradores de outros municípios, cinco estão internados em hospitais de Chapecó. São quatro na UTI do HRO e um na UTI da Unimed.

A vacinação segue sendo disponibilizada à população e até o momento 190.571 vacinas da primeira dose já foram aplicadas. Outras 174.451 de segunda dose ou dose única também foram aplicadas e 24.266 doses de reforço.

Situação da H3N2

O município de Chapecó identificou no dia 22 de dezembro o primeiro caso de H3N2. A paciente é uma mulher adulta que não teve a idade revelada pela Secretaria de Saúde. Porém, de acordo com a prefeitura, não houve outras confirmações e casos da H3N2 até o momento na cidade.

De acordo com a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Lilian Galão, o resultado demorou cinco dias e a paciente já está bem de saúde. Ela ressalta que os sintomas e cuidados são parecidos com os da Covid-19.

“Por isso, se alguém fizer o teste da Covid-19, que está disponível no Verdão e UPA, e der negativo, tem chance de ser Influenza. A transmissão se dá através de gotículas respiratórias ao falar, tossir, espirrar.”

Mediante o primeiro caso confirmado, a Secretaria de Saúde do Município emitiu no dia 23 de dezembro um alerta sobre a circulação do vírus da Influenza A no município.

Os sinais e sintomas da Influenza A são febre de início súbito e persistente, comprometimento das vias aéreas superiores, como tosse seca e dor de garganta, mal-estar e fadiga, mialgia e cefaleia (dor de cabeça).

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde

Loading...