Brasil atinge marca de 153.675 óbitos causados pela Covid-19

País confirmou mais 461 mortes decorrentes de complicações causadas pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas, conforme balanço diário que o Ministério da Saúde divulgou neste sábado (17)

O Brasil confirmou mais 461 mortes decorrentes de complicações causadas pelo novo coronavírus. Com isso, o país atingiu a marca de 153.675 óbitos causados pela Covid-19 desde que o primeiro caso da doença foi registrado no país, no fim de fevereiro deste ano.

Os números constam do balanço diário que o Ministério da Saúde divulgou no início da noite deste sábado (17). Repassados pelas secretarias de saúde dos estados, o boletim leva em consideração as informações registradas em um período de 24 horas.

Mais 24.062 diagnósticos positivos de Covid-19 foram contabilizados no país nas últimas 24 horas – Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil/ND

Segundo a pasta, mais 24.062 diagnósticos positivos foram contabilizados no último período, elevando para 5.224.362 o total de casos confirmados da doença em todo o país. A população brasileira supera os 210,1 milhões de habitantes – o que significa dizer que a presença do vírus foi atestado em menos de 3% da população.

Entre os casos já confirmados, 4.635.315 pacientes se recuperaram da doença, o que equivale a 88,7% do total de pessoas cujos testes confirmaram a infecção pelo novo coronavírus. Outros 435.372 pacientes seguem em tratamento.

Covid-19 nos estados

Em termos absolutos, as unidades da federação com mais mortes são São Paulo (37.992, para 1.062.634 casos); Rio de Janeiro (19.715, para 289.569 casos), Ceará (9.207 para 264.245 casos), Pernambuco (8.480 para 155.923 casos) e Minas Gerais (8.405, para 333.998 casos).

As unidades da Federação com menos óbitos são Acre (679), Roraima (681), Amapá (731), Tocantins (1.042) e Rondônia (1.421).

Santa Catarina registra 1,8 mil novos casos

Santa Catarina registrou alta de 1.832 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, segundo informações do boletim epidemiológico divulgado pelo governo estadual neste sábado (17). Com a atualização, o Estado chegou a 234.765 casos confirmados da doença desde o início da pandemia, em março.

Do total de casos confirmados, 223.290 (95,11%) são considerados recuperados e 8.509 continuam em acompanhamento. A maioria dos infectados tem entre 30 e 39 anos de idade, somando 59.554 casos.

As faixas etárias com maior número de vítimas fatais da doença são a de 70 a 79 anos (568) e a de 60 a 69 anos (565), ambas integrantes do grupo de risco. Até o momento, o coronavírus causou 2.966 mortes em Santa Catarina. A taxa de letalidade é de 1,26%.

+

Saúde