Brasil registra os 2 primeiros casos da variante Ômicron do coronavírus

Casal que voltava da África do Sul realizou testes ainda no aeroporto de São Paulo; outros casos seguem em observação

Duas pessoas testaram positivo para a nova variante Ômicron do coronavírus nesta terça-feira (30) em São Paulo. Outros casos suspeitos seguem em observação.

Dois primeiros casos foram confirmados nesta terça-feira (30) – Foto: Prasesh Shiwakoti/Unsplash/NDDois primeiros casos foram confirmados nesta terça-feira (30) – Foto: Prasesh Shiwakoti/Unsplash/ND

A informação foi confirmada pela reportagem do R7 com fontes ligadas ao Ministério da Saúde e pela Anvisa. Na ocasião, trata-se de dois brasileiros que desembarcaram no Aeroporto de Guarulhos e testaram positivo.

O resultado, realizado no laboratório Albert Einstein, ainda é considerado preliminar. O casal procurou o laboratório, dentro do aeroporto, para realizar o teste por conta do seu retorno à África do Sul.

Ainda de acordo com a Anvisa, os dois brasileiros entraram no Brasil na última terça-feira (23), ou seja, antes da notificação mundial da nova variante.

A entrada também foi anterior à edição da Portaria que proibiu, em caráter temporário, voos com destino ao Brasil que tenham origem ou passagem pela África do Sul.

Após o teste positivo, o laboratório teve a iniciativa de realizar o sequenciamento genético das amostras, declara a agência.

A Anvisa foi notificada sobre os resultados positivos dos testes e sobre o início dos procedimentos para sequenciamento genético nessa segunda-feira (29) e, nesta terça-feira (30), informou que, em análises prévias, foi identificada a variante Ômicron

Casos em monitoramento

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal monitora um caso suspeito da variante Ômicron do coronavírus. De acordo com o comunicado realizado nesta terça-feira (30), o paciente veio da África do Sul e testou positivo para a Covid-19.

O Laboratório Central de Saúde Pública do DF realiza sequenciamento genético de uma amostra do paciente. O objetivo é verificar se é um caso da variante ou não. O resultado deverá ser divulgado em até quatro dias.

Ainda de acordo com a secretaria, o homem desembarcou em Guarulhos, São Paulo, no dia 27 de novembro, e embarcou para a Capital do Brasil. O voo é o mesmo que estava um outro paciente com caso de Covid-19 confirmado, identificado em São Paulo.

O paciente está na faixa etária entre 40 e 49 anos e recebeu 3 doses de vacina. O caso permanece assintomático e o viajante está em isolamento domiciliar desde a chegada à capital.

Além de Brasília e SP, os Estados do Paraná e de Minas Gerais, como mostrou o Broadcast Político, também investigam casos suspeitos da variante.

*Com informações do R7 e Estadão Conteúdo

+

Saúde

Loading...