Cidades de SC confirmam intenção de comprar 3,5 milhões de doses da Sputnik

Ao todo, 261 municípios catarinenses entregaram a documentação; empresa responsável pelas negociações deve responder sobre demanda na próxima semana

A Fecam (Federação Catarinense de Municípios) confirmou, nesta quinta-feira (18), a intenção de compra de cerca de 3,5 milhões de doses da vacina russa Sputnik V por municípios de Santa Catarina.

A informação foi confirmada pelo consultor de saúde da entidade, Jailson Lima. Ao todo, 261 municípios catarinenses entregaram a documentação. A resposta sobre a demanda está prevista para acontecer até a próxima semana.

Cidades de SC confirmam intenção de comprar 3,5 milhões de doses da Sputnik – Foto: Sputnik V/DivulgaçãoCidades de SC confirmam intenção de comprar 3,5 milhões de doses da Sputnik – Foto: Sputnik V/Divulgação

Conforme a Fecam, as últimas cartas de intenção de compra (Letter of Intention – LOI) foram entregues nesta semana à empresa com a qual as negociações acontecem.  Cumprindo, assim, a primeira etapa de negociação.

A estimativa da compra foi negociada a US$ 9,75 por dose, ou seja, um total de US$ 34,1 milhões, algo em torno de R$ 189 milhões.

Nesta segunda-feira (15), foi enviada a LOA (Lei Orçamentária Anual) para formalizar a intenção de compra com o nome de todos os municípios e número de doses por cidade.

O valor pago por cada dose é de US$ 9,75. “É um número inferior àquele pago pelo Mato Grosso do Sul, que foi de US$ 13 por dose, e da cidade de Betim (MG), que fechou por US$ 10,40. Será difícil alguém fechar com este preço. Eles devem aumentar até setembro”, comemora o consultor de saúde da Fecam.

A entidade ressalta que a compra somente será efetivada depois de indicados os lotes de vacina e as respectivas datas para envio e chegada em território brasileiro – etapas que ainda não aconteceram.

A Fecam destacou, ainda, que não compra vacinas, e sim gerencia o processo de aquisição pelos municípios. E que ainda está aguardando manifestação definitiva da empresa.

A reportagem do ND+ teve acesso à lista completa dos 261 municípios catarinenses que assinaram a carta de intenção de compra, com os números de doses para cada um. Confira:

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
1 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
2 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
3 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
4 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
5 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
6 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
7 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
8 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
9 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
10 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
11 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
12 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
13 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND
14 14

Lista de municípios e doses compradas da vacina Sputnik V - Reprodução/Fecam/ND

Divisão de doses por cidade

Como pode ser observado no número de distribuição para cada município, a proporção de doses por habitantes varia. Em algumas cidades menores, inclusive, o número de imunizantes chega perto do número total da população.

Vale lembrar que a Sputnik V é uma vacina de duas aplicações, dessa forma, esses municípios conseguiriam imunizar cerca de 50% de sua população contra a Covid-19 só com essa vacina.

Essa diferença de proporção de doses acontece porque o critério estabelecido para a compra foi decidido por cada município, explica Jailson Lima.

Vacina Sputnik V ainda não foi liberada pela Anvisa

Mesmo sem liberação oficial pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), o consultor de saúde da Fecam acredita que o uso de caráter emergencial desta vacina não será um problema.

“O próprio Ministério da Saúde já assinou um contrato de compra de 10 milhões de doses com a União Química, que é a empresa que vai passar a fabricar a Sputnik no Brasil”, afirma o consultor.

Caso a vacina chegue antes disso, o STF (Supremo Tribunal de Justiça), por decisão, já deixou claro que todas as vacinas que estão na América Latina, ou que passaram por aprovação na China, Estados Unidos ou na Europa, podem ser utilizadas em caráter emergencial no Brasil. Então há uma decisão judicial para a utilização”, garante Jailson Lima.

+

Saúde