Com aval de regulador, UE libera vacina da Pfizer e BioNTech

Comissão Europeia concedeu autorização condicional para distribuição do imunizante cuja eficácia foi atestada pela Agência de Medicamentos Europeia

A Comissão Europeia informou nesta segunda-feira (21) que concedeu autorização condicional para a distribuição da vacina para o novo coronavírus desenvolvida pela Pfizer, em parceria com a BioNTech.

A medida segue aval da Agência de Medicamentos Europeia (EMA, na sigla em inglês), que hoje cedo emitiu relatório em que atesta a eficácia e a segurança do imunizador.

Pfizer desenvolve vacina em parceria com a empresa alemã BioNTech – Foto: Divulgação/PfizerPfizer desenvolve vacina em parceria com a empresa alemã BioNTech – Foto: Divulgação/Pfizer

As primeiras doses devem ser entregues aos países do bloco na próxima sexta-feira (26), e a previsão é de que a imunização comece no sábado (27).

A União Europeia espera distribuir 200 milhões de doses até setembro de 2021.

“Hoje acrescentamos um capítulo importante a uma história de sucesso europeia. Aprovamos a primeira vacina segura e eficaz contra a Covid-19. Mais vacinas virão em breve”, afirmou a presidente da Comissão, Ursula von der Leyen.

+

Saúde