Confirmado mais um lote de vacinas da Pfizer para esta segunda em SC

Carga com o imunizante fabricado pela Pfizer desembarca, em Florianópolis, na noite desta segunda-feira

Foi confirmada para esta segunda-feira (10) mais uma remessa de doses da vacina Pfizer/BioNtech para Santa Catarina. Estão previstas 39.780 doses do imunizante destinados à primeira aplicação em pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas e pessoas com deficiência permanente.

Conforme repassado pela Superintendência do Ministério da Saúde, o lote com as quase 40 mil doses vão desembarcar no terminal de cargas, antigo aeroporto Hercílio Luz, por volta das 19h40.

Mais um lote de vacinas, dessa vez da fabricante Pfizer, desembarca em Florianópolis  – Foto: DIVE-SC/Divulgação/NDMais um lote de vacinas, dessa vez da fabricante Pfizer, desembarca em Florianópolis  – Foto: DIVE-SC/Divulgação/ND

Apesar do temor pela demora na entrega das vacinas, a chegada de uma nova remessa preenche uma preocupação que vem se acentuando, sobretudo, pelos casos de desabastecimento em todo o Estado.

A primeira remessa com os imunizantes da Pfizer chegou no último sábado (2), onde 17.550 doses foram enviadas para Santa Catarina. Este lote foi distribuído para Florianópolis (10.530) e São José (7.020 doses).

Após pousar na Capital, na noite desta segunda-feira, as vacinas serão encaminhadas para a Central Estadual de Rede de Frio, em São José, onde serão distribuídas para todo o território catarinense. Ainda não há definição de para qual grupo prioritário elas serão destinadas.

1,12 milhão em todo o País

O Ministério da Saúde começa a distribuir a partir desta segunda mais um lote com 1,12 milhão de doses da vacina contra a Covid-19 da Pfizer/BioNTech.

Segundo a pasta todos os estados e Distrito Federal receberão o imunizante de forma proporcional e igualitária.

A logística de distribuição das vacinas da Pfizer foi montada levando em conta as condições de armazenamento do imunizante. No Centro de Distribuição do ministério, em Guarulhos (SP), as doses ficam armazenadas a uma temperatura de -90°C a -60°C.

Ao serem enviadas aos estados, as vacinas estarão expostas a temperatura de -20°C. Nas salas de vacinação, onde a refrigeração é de +2 a +8°C, as doses precisam ser aplicadas em até cinco dias.

“Em função disso, o Ministério da Saúde orienta que, neste momento, a vacinação com o imunizante da Pfizer seja realizada apenas em unidades de saúde das 27 capitais brasileiras, de forma a evitar prejuízos na vacinação e garantir a aplicação da primeira e segunda doses com intervalo de 12 semanas entre uma e outra”, informou o ministério.

A vacinação contra a covid-19 começou no país no dia 18 de janeiro. Até o momento, contando com esse novo lote, foram destinadas a todas as unidades da Federação aproximadamente 75,4 milhões de doses de imunizantes.  Até este domingo (9), mais de 46,8 milhões de doses já foram aplicadas.

*Com informações complementares da Agência Brasil

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Saúde