Moacir Pereira

Notícias, comentários e análises sobre política, economia, arte e cultura de Santa Catarina com o melhor comentarista politico de Santa Catarina. Fundador do Curso de Jornalismo da UFSC. Integrante da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, é autor de 53 livros publicados.


Covid-19: o que você aprendeu com um ano de pandemia?

Empresária de Joinville faz análise sobre a conjuntura decorrente do coronavirus

Empresária  Scheila Schmidt, de Joinville, com várias atividades comunitárias no Estado, publicou uma pertinente reflexão sobre um ano de pandemia do Covid-19.  Esposa do empresário Albano Schmidt, um dos principais líderes industriais do norte e do Estado,  tem presença nas redes socais, com sábias observações.

Pandemia tem muito a nos ensinar – Foto: ArquivoPandemia tem muito a nos ensinar – Foto: Arquivo

Confira:

“Daqui a pouco fará 365 dias que passamos por várias etapas nas nossas vidas!
Beirou do desespero ao mais profundo sentimento de impotência quanto ao invisível!
No começo achamos que nem a janela poderíamos abrir!
Ele entraria agarrado voando ou escalando as coisas…
Passou um tempo…ele viria do supermercado, da carne, no sapato…
Uns diziam ser uma gripe…outros a sentença de morte…
Uns rezavam…outros excomungavam a peste chinesa….
Uns temiam a própria família…outros colocaram todos juntos para tomar conta…
Uns, com mais de 60, tinham que ficar trancados…outros faziam exercícios ao ar livre, caminhavam….
Uns pareciam um ets…outros só uma máscara bastava…
Uns colocavam a máscara no rosto…outros no pescoço ou de bolsinha….
Uns estão trancados até hoje…outros festando até hoje…
Uns roubaram milhões…outros empobreceram muitoooo…
Uns fizeram do limão uma limonada…outros estão até hoje chupando o limão…
Uns culpam todos…outros abraçam todos…
Uns enlouqueceram e até tiram a própria vida…outros agradecem por ainda estar aqui…
Enfim …uns julgam e outros acolhem!
Eu não me sinto culpada por nada do que fiz e faço…Pois sempre faço o que sei e acho de melhor!
Mas uma lição disto tudo levei pra vida…
Quem é bom é bom
Quem é ruim é ruim
Quem aponta o dedo é o mais perverso, não assumindo a sua própria vida e culpa!
É mais fácil o outro ter e ser o culpado…
E você como se sente?
E o que aprendeu?
Scheila Schmidt.”

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.