Fabio Gadotti

Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.


Covid-19: país tem experiência em logística de vacinação em massa

Know how vai ajudar na imunização contra o coronavírus, programada para começar no final de janeiro ou início de fevereiro

Expectativa é que vacinação comece até fevereiro – Foto: Gustavo Fring/PexelsExpectativa é que vacinação comece até fevereiro – Foto: Gustavo Fring/Pexels

Com a perspectiva de início da imunização nacional no final de janeiro ou início de fevereiro, Prefeitura de Florianópolis e UFSC avançaram, nos últimos dias, na identificação da estrutura adequada para armazenamento de vacinas contra a Covid-19 no campus da Trindade.

A universidade mapeou cinco ultrafreezers com capacidade total de quase dois mil litros que serão importantes, por exemplo, caso a Capital catarinense tenha acesso às doses da Pfizer – que precisam ser mantidas em temperatura controlada entre 2 e 8 graus depois do descongelamento.

A parceria entre município e universidade reforça o plano nacional delineado pelo governo federal, que tem know how no assunto. A despeito de picuinhas políticas e ideológicas, o certo é que o país tem experiência em vacinação em massa, uma logística de fazer inveja ao mundo que vai fazer a diferença também no caso da pandemia do coronavírus.