UTI de Santa Catarina está lotada em 68%

Duas unidades lotadas de Joinville desceram para o índice de lotação na casa dos 90%, mas dois hospitais, de São Bento do Sul e Brusque, chegaram ao limite

Os dados do boletim epidemiológico desta quarta-feira (9) apontam que os 1.535 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da rede pública de Santa Catarina estão lotados em 68,9%, ou seja, são 1.057 ocupados, deixando 478 livres.

Xanxerê conta com 14 leitos de UTI para pacientes com coronavírus – Foto: HRSP/ND

São 422 pacientes com a Covid-19 internados no tratamento intensivo, enquanto o restante, 635, está em UTI com outra enfermidade.

Nas últimas 24h, o panorama de hospitais superlotados mudou, com o Hospital Bethesda e a Maternidade Darcy Vargas saindo da lotação em 100% para a casa dos 90%, enquanto duas outras unidades chegaram no limite nesta quarta (9).

As unidades lotadas em 100% são:

  • Hospital Azambuja, em Brusque
  • Hospital Sagrada Família, em São Bento do Sul

Em termos regionais, somente o Norte do Estado, onde fica o epicentro, Joinville, segue com ocupação acima de 80%. Enquanto isso, Grande Florianópolis e Foz do Rio Itajaí ficam na casa dos 50%.

Ocupação de leitos de UTI por região – Foto: Divulgação/Governo do Estado de Santa Catarina/ND

Além disso, do total de 422 internados, 416 são casos suspeitos, enquanto somente 6 testaram positivo. Destes, 216 estão com quadro mais grave, necessitando de ventilação mecânica.

Na rede privada, não contemplada nos dados descritos até aqui, são 81 internados com suspeita da Covid-19 e. Destes, 6 casos foram confirmados e 47 estão em ventilação mecânica.

Imbituba passa a ofertar leitos de UTI

Nesta quarta (9) a cidade de Imbituba também passa a contar com tratamento intensivo. Foram inaugurados 10 leitos de UTI no Hospital São Camilo.

As unidades são destinadas ao tratamento da Covid-19, mas após a pandemia, serão transformadas em leitos de UTI normais. O investimento total na UTI da unidade é da ordem de R$ 713 mil pela Prefeitura de Imbituba, e de R$ 1,2 milhão vindos da Secretaria de Estado da Saúde.

Estado chega a 192 mil casos

Os dados do boletim também apontam uma alta de 2.585 casos da Covid-19 em Santa Catarina nas últimas 24h, o que deixa o Estado com um total de 192.982 confirmações desde o início da pandemia, em março.

Desse total registrado, são 182.300 (94%) recuperados, e também 2.460 que morreram, sendo 18 vítimas inclusas nesta atualização. Esses dados deixam a incidência em 2.693 casos a cada 100 mil habitantes, e a taxa de letalidade em 1,27%.

+

Saúde