Emergência do hospital público de Chapecó está superlotada

Recomendação é que moradores procurem neste primeiro às unidades de saúde

Na manhã desta terça-feira (2), a direção técnica do HRO (Hospital Regional do Oeste), de Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, informou sobre a superlotação no setor de emergência.

HRO emitiu comunicado sobre a superlotação no setor de emergência – Foto: Vinicius Schneider/Divulgação/NDHRO emitiu comunicado sobre a superlotação no setor de emergência – Foto: Vinicius Schneider/Divulgação/ND

Por conta disso, a orientação é de que a comunidade chapecoense procure atendimento nas unidades de saúde mais próximas de suas casas.

Já para os moradores da região, a recomendação é que se evite o deslocamento para Chapecó quando não se tratar de casos graves e sem contato prévio entre médico assistente local e médico plantonista da regulação de leitos.

O HRO orienta a população que somente nos casos de extrema emergência e urgência é que se deve procurar o hospital.

Acesse e receba notícias de Chapecó e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Saúde