Estabelecimento é interditado por 15 dias por descumprir Decreto em Chapecó

Venda de bebidas alcoólicas para consumo local é proibido das 18h às 6h, segundo o Decreto Estadual publicado na sexta-feira (19)

Na noite deste sábado (20) o cumprimento do Decreto Estadual nº 2.218/2021, que entrou em vigor às 00h, foi fiscalizado em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina.

Estabelecimentos foram fiscalizados na noite deste sábado (20) – Foto: Prefeitura de Chapecó/NDEstabelecimentos foram fiscalizados na noite deste sábado (20) – Foto: Prefeitura de Chapecó/ND

Ao todo, oito estabelecimentos foram fiscalizados. Destes, dois estavam descumprindo regras previstas no Decreto. Um dos estabelecimentos foi autuado por estar em funcionamento após o horário permitido. O outro foi autuado e interditado por estar fornecendo bebida alcoólica para consumo no local.

O segundo estabelecimento por interditado por 15 dias por descumprir o inciso VI do Artigo 1º do Decreto, que proíbe o fornecimento com consumo no local de bebidas alcoólica das 18h às 6h.

A ação contou com a participação da Guarda Municipal, Polícia Militar e Vigilância Sanitária. As fiscalizações continuam no decorrer desta semana.

“Reforçamos que neste momento é de extrema importância a conscientização da população quanto ao cumprimento das normas. Estamos com um Decreto mais flexível, então desta forma é muito importante a colaboração de cada um para mantermos a redução dos números de casos”, alertou a Prefeitura de Chapecó.

Relembre as regras

Até o dia 5 de abril qualquer evento está proibido em todo o território catarinense, segundo o decreto publicado na noite desta sexta-feira (19). Os bares podem funcionar até às 22h.

Casas noturnas devem ficar fechadas. O fornecimento de bebidas alcoólicas para consumo no local é proibido entre 18h e 6h. A partir de terça-feira (23), quem for flagrado sem máscara será multado em R$ 500.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Chapecó e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Saúde