Fim de semana já tem mais de 80 locais notificados em fiscalização da Covid-19 em SC

Outros três estabelecimentos também foram interditados durante a fiscalização que apura o cumprimento das medidas sanitárias contra o coronavírus

A fiscalização do cumprimento das medidas sanitárias para barrar o avanço da Covid-19 continua em toda Santa Catarina. Neste fim de semana, segundo a Polícia Militar, 84 estabelecimentos já foram notificados e outros três interditados por desrespeitarem as normas.

As principais infrações são relacionadas à ocupação de estabelecimentos com aglomeração de pessoas que não usam máscara. A não disponibilização de álcool em gel também está entre as ocorrências mais comuns. De acordo com a PM, mais de 3.500 fiscalizações já foram realizadas.

Um dos locais notificados foi a lanchonete Madrugadão Lanches, em Blumenau, que continuava funcionado após as 22 horas, embora esse seja o limite de horário imposto pelo Estado em decreto.

Lanchonete foi fechada após proprietário desafiar decreto estadual – Foto: PMLanchonete foi fechada após proprietário desafiar decreto estadual – Foto: PM

A ação não foi nenhuma surpresa. Afinal, o empresário Jalmei Garcia, dono do local, divulgou um vídeo na semana passada desafiando as regras. “A partir de hoje só fecha se eu morrer, governador. Pode me procurar que eu estou lhe esperando”, disse o empresário. O estabelecimento foi notificado e quem estava no local teve que sair.

Já em Lebon Régis, no Meio-Oeste catarinense, uma festa clandestina com cerca de 30 pessoas foi encerrada pela Polícia Militar e pela Polícia Militar Rodoviária. Os participantes não usavam máscaras nem respeitavam o distanciamento. Além disso, os policiais também encontraram drogas no local.

Festa clandestina foi encerrada pela polícia em Lebon Régis – Foto: PMRv/DivulgaçãoFesta clandestina foi encerrada pela polícia em Lebon Régis – Foto: PMRv/Divulgação

Em Joinville, 90 estabelecimentos foram fiscalizados entre a noite de sexta-feira (19) e a madrugada de sábado (20). Um deles foi interditado por ser reincidente no desrespeito às normas sanitárias e outros nove foram notificados.

O comandante da Polícia Militar de Santa Catarina, Dionei Tonet, considera que o fim de semana tem sido tranquilo, assim como o delegado Rafaello Ross, de Joinville. “Em relação aos estabelecimentos, comerciantes e população, de um modo geral, eles vêm contribuindo e entendendo a importância do cumprimento das regras, especialmente nesta fase mais crítica da pandemia”, ressalta Ross.

A partir da próxima terça-feira (23), também começa a fiscalização em relação ao uso de máscaras em espaços fechados. Quem desobedecer, pagará multa de R$ 500, que ainda pode ser dobrada em caso de reincidência.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.

+

Saúde